INOVAÇÕES METODOLÓGICAS NA EDUCAÇÃO SUPERIOR E A TRANSFORMAÇÃO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA

Joana Paulin Romanowski, Lílian Anna Wachowicz

Resumo


O texto é resultado de pesquisa realizada pelo Grupo de Pesquisa em Metodologia do Ensino e Avaliação da Aprendizagem na Educação Superior, do Programa de Pós-Graduação da PUCPR. O estudo focaliza a prática profissional dos professores da PUCPR  no contexto do Projeto Pedagógico e sua estruturação em Programas de Aprendizagem. Tem como objetivo avaliar as transformações dessa prática pedagógica sob a ótica dos professores e alunos desses programas. O estudo envolve oito programas de aprendizagem com relatos dos professores e avaliações dos estudantes, analisando interdependência teórico-prática entre metodologia do ensino e avaliação da aprendizagem, e interpretando, à luz das publicações mais significativas, os dados de pesquisa registrados. As conclusões apontam para a ocorrência de transformações da prática pedagógica com a inclusão dos alunos no processo de aprendizagem e a mudança nos procedimentos e habilidades de aprendizagem em decorrência de uma ação pedagógica que enfatiza as estratégias da aprendizagem que valoriza a relação teoria e prática.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRÉ, M. (0rg.). O papel da pesquisa na formação e prática dos professores. Campinas: Papirus, 2001.

BEHRENS, M. Projetos de aprendizagem colaborativa num paradigma emergente. In: BEHRENS, M. MORAN, J. M.; MASETTO, M. T. Novas tecnologias e mediação pedagógica. 5. ed. Campinas: Papirus, 2003.

CAPRA, F. A teia da vida: uma nova compreensão científica dos sistemas vivos. São Paulo, SP: Cultix, 1996.

CARDOSO, C. A canção da inteireza: uma nova visão holística da educação. São Paulo, SP: Summus, 1995.

CHEVALLARD,Y. La Transposición Didáctica: del saber sabio al saber enseñado. Buenos Aires: Aique, 1991.

DEMO, P. Pesquisa e construção do conhecimento. Metodologia científica no caminho de Habermas. Rio de Janeiro, RJ: Tempo Brasileiro, 1994.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro, RJ: Paz e Terra. 1997.

GRÉGOIRE, J. Avaliando as aprendizagens: os aportes da psicologia cognitiva. Porto Alegre: Artes Médicas, 2000.

JOLIBERT, J. et al. Transformar la formación docente inicial. Santiago: Antártica, 1996.

MEIRIEU, Philippe. Aprender... sim, mas como. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.

RIOS, T. Compreender e ensinar: por uma docência da melhor qualidade. São Paulo, SP: Cortez, 2001.

POZO, J. I. Teorias cognitivas da aprendizagem. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.

WACHOWICZ, L. A. A dialética da avaliação da aprendizagem, na pedagogia diferenciada. In: CASTANHO, M.E. e CASTANHO, S. (Orgs.). O que há de novo na Educação Superior. Campinas: Papirus, 2000. p. 95 – 131.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/rde.v4i10.6455

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat