Desafios da formação de professores

Clarilza Prado de Sousa

Resumo


Entendendo que a formação do professor deve ser analisada também de uma perspectiva psicossocial, procura-se, neste texto, analisar como a construção da profissionalidade se articula em um cenário de presentismo – foco exagerado no presente – que se observa na sociedade atual. Como professores em formação, que escolheram uma profissão que tem por característica formar a geração futura, representam o futuro? Quais os valores que orientam as escolhas desses professores? Os programas de formação subsidiam a construção de projetos de futuro baseados em valores como liberdade, direito, justiça social? A subjetividade do professor/aluno é considerada durante o processo de formação? Considerando que a profissão do professor se define no compromisso com a formação do futuro do aluno e da sociedade, negar a possibilidade de preparar para o futuro é negar sua profissão.


Palavras-chave


Dimensão psicossocial do currículo de formação docente; Presentismo; Projeto de futuro; Valores; Representações sociais e Subjetividade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.7213/1981-416X.17.053.AO02

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat