ENSINO DE MATEMÁTICA E MATEMÁTICA MODERNA EM CONGRESSOS NO BRASIL E NO MUNDO

Flávia Soares

Resumo


O movimento de renovação de ensino conhecido como MatemáticaModerna chegou ao Brasil na década de 60 impulsionado porreformas que estavam acontecendo em outros paises. Antes disso,no início do século XX, manifestações em prol de uma renovaçãodo ensino da Matemática já aconteciam em vários congressosinternacionais e continuaram a acontecer em congressos nos anosseguintes. Muitas das reivindicações e críticas levantadas na épocaforam as mesmas discutidas anos mais tarde, na década de 50. Podesedizer que as discussões travadas nesses congressos internacionaisderam impulso ao surgimento do Movimento da MatemáticaModerna em todo o mundo e ainda se constituíram num fórum dedebates acerca da Matemática Moderna. O objetivo deste texto éretomar alguns dos temas presentes nos principais congressos realizados ao longo do século XX que proporcionaram um aumentodas discussões sobre o ensino de Matemática, culminando no iníciodo Movimento da Matemática Moderna. Além disso, pretende-sediscutir como foram os primeiros congressos sobre o ensino daMatemática no Brasil e a sua importância para o movimento.

Texto completo:

PDF

Referências


CONGRESSO NACIONAL DE ENSINO DA MATEMÁTICA NO CURSO SECUNDÁRIO, 1., 1955, Salvador. Anais... Salvador: Universidade da Bahia, 1957.

CONGRESSO NACIONAL DE ENSINO DA MATEMÁTICA, 2., 1957, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre: Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1959a.

CONGRESSO BRASILEIRO DO ENSINO DA MATEMÁTICA, 3., 1959, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: CADES-MEC, 1959b.

CONGRESSO BRASILEIRO DO ENSINO DA MATEMÁTICA, 4., 1962, Belém. Anais... Belém: CBEM, 1962.

CONGRESSO BRASILEIRO DO ENSINO DA MATEMÁTICA, 5., 1966, São José dos Campos, SP. Anais... São José dos Campos, SP: CBEM, 1966.

DIEUDONNÉ, J. A. Debemos enseñar las “matemáticas modernas”? In: PIAGET, J.; HERNÁNDEZ, J. (Org.). La Enseñanza de las matemáticas modernas. Madrid: Alianza, 1978. p. 130-139.

FEHR, Howard F. (Org.). Educacion matematica en las Americas: In: CONFERENCIA INTERAMERICANA SOBRE LA EDUCACION MATEMÁTICA. 1., 1962, New York. Informe… New York: Bureau of publications, Teachers College, Columbia University, 1962.

FEHR, H. F. (Org.). Educação matemática nas Américas. In: CONFERÊNCIA INTERAMERICANA SOBRE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA. 2., 1969. São Paulo. Relatório... São Paulo: Nacional, 1969.

FEHR, H. F.; CAMP, J.; KELLOG, H. (Org.). La revolution en las matemáticas escolares (segunda fase). Buenos Aires: OEA, 1971.

FIORENTINI, D.; LORENZATO, S. Investigação em educação matemática: percursos teóricos e metodológicos. Campinas: Autores Associados, 2006. (Coleção formação de professores).

HOWSON, A. G. Seventy-five years of the international commission on mathematical instruction. Educational Studies in Mathematics, Dordrecht, v. 15, n. 1, p. 75-93, 1984.

KILPATRICK, J. A history of research in mathematics education. In: GROUWS, D. A. (Ed.). Handbook of research on mathematics teaching and learning. New York: Macmillan, 1992. p. 3-35.

MOON, B. The ‘New Maths’ curriculum controversy: an international story. London: Falmer Press, 1986.

ORGANISATION FOR ECONOMIC CO-OPERATION AND DEVELOPMENT – OECD. New thinking in school mathematics. Washington, D.C: OECD Publications Center, 1961.

SANGIORGI, O. Introdução da matemática moderna no ensino secundário. In: GEEM. Matemática moderna para o ensino secundário. São Paulo: IBECC, 1962. p. 1-14.

SCHUBRING, G. O primeiro movimento internacional de reforma curricular em matemática e o papel da Alemanha: um estudo de caso na transmissão de conceitos. Zetetiké, v. 7, n. 11, jan./jun.1999.

SOARES, F. Movimento da Matemática Moderna no Brasil: avanço ou retrocesso? 2001. 192 f. Dissertação (Mestrado em Matemática) – Pontifícia Universidade Católica, Rio de Janeiro, 2001.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/rde.v8i25.3772

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat