Atribuições, concepções e trabalho do diretor escolar após 2007

Maria Abádia da Silva

Resumo


A partir do Plano de Desenvolvimento da Educação – PDE – 2007, este ensaio problematiza os princípios e a coexistência da prática da new public gestion com as práticas de gestão democrática nos Centros de Ensino Médio Regular do Distrito Federal. Também analisa as novas atribuições no trabalho do diretor escolar em relação às dimensões administrativa, financeira, tecnológica e pedagógica, e aponta que, além das funções tradicionais, o trabalho do diretor mudou com a utilização das tecnologias, mídias, redes sociais, desconcentração dos programas federais e distrital, a prestação de contas online, cotação de orçamentos e a busca de competitividade entre as escolas pelos indicadores de qualidade de ensino. Exige-se, ainda, conhecimento técnico qualificado, respeito ao pluralismo de ideias e à diversidade de culturas, capacidade de garantir o contato humano com o outro, de aprender a conviver com os diferentes e primar pelos princípios éticos e de justiça, de defender a liberdade de expressão, de pensamento e de ideias, que são indícios de que há um aumento de quantidade e qualidade no trabalho do diretor escolar.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.7213/1981-416X.18.056.AO04

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Revista Diálogo Educacional