Relações históricas da Resolução CNE/CP nº 1/2021: implicações para a formação docente na Educação Profissional

Marcelo Lima, Tatiana das Mercês

Resumo


Este trabalho tem como objetivo analisar a trajetória histórica da formação de professores para a Educação Profissional e Tecnológica (EPT) no Brasil. Analisa diferentes documentos oficiais que regulamentam a docência na EPT desde a década de 1990 ao presente cenário e dialoga com produções acadêmicas do campo Trabalho e Educação, como Frigotto, Machado, Moura e Ciavatta, que versam sobre as flexibilizações e precarizações da docência nessa modalidade de ensino. As políticas de formação docente na EPT sofrem significativamente com a descontinuidade e fragmentação das ações por parte dos governos: a maioria possui caráter emergencial e provisório, por conseguinte, não garante um trabalho pedagógico que se afirme na perspectiva emancipatória dos educandos e ultrapasse à lógica da formação para o mercado.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.7213/1981-416X.21.071.DS04

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2021 Editora Universitária Champagnat