Aprendizagem experiencial da docência universitária: desenvolvimento profissional de professores tutores no método Problem-Based Learning

Jefferson da Silva Moreira, David Moisés Barreto dos Santos, Fabrício Oliveira da Silva

Resumo


Este artigo apresenta resultados finais de pesquisa-formação, de abordagem qualitativa, realizada entre 2018 e 2019, que teve por objetivo geral compreender processos de aprendizagem profissional da docência, com ênfase na base de conhecimento para o ensino, de professores tutores que atuam no método Problem-Based Learning (PBL) de uma universidade pública, situada no interior do Estado da Bahia. Respaldamo-nos teoricamente em Shulman (2014), Mizukami (2004), Marcelo Garcia (2009), Imbernón (2010) e Nóvoa (2017). Os dados foram coletados por meio da análise e construção de casos de ensino, além da aplicação de um questionário junto aos colaboradores do processo formativo. A análise do corpus empírico esteve pautada em pressupostos da análise do conteúdo, do tipo temática, proposta por Bardin (1977). Os achados sinalizam que os processos de aprendizagem da docência dos colaboradores do estudo são marcados por diversos níveis de complexidade. Assim, a ausência de uma formação inicial no campo didático-pedagógico incide para que os tutores desenvolvam um exercício docente intuitivo, com parco domínio analítico dos pressupostos filosóficos, epistemológicos e pedagógicos concernentes às suas práticas. Constatamos que a base de conhecimento dos participantes é frágil no quesito conhecimento pedagógico geral. Dessa maneira, defende-se a necessidade da configuração de políticas e ações institucionais que busquem fomentar a consolidação da profissionalidade pedagógica desses profissionais.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.7213/1981-416X.21.068.DS08

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2021 Editora Universitária Champagnat