Sobre a Revista

Foco e Escopo

Informações básicas

A Revista de Filosofia: Aurora (Qualis A2) é uma publicação quadrimestral do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR). Vem divulgando, desde 1988, resultados de pesquisas com o intuito de colaborar com a formação e atuação de filósofos e demais profissionais das áreas afins. A Revista de Filosofia Aurora (Journal of Philosophy Aurora) publica artigos científicos, resenhas e entrevistas adotando o processo de revisão (peer review) entre os membros do Conselho Editorial e da comunidade científica especializada, em sistema duplo de revisão anônima (blind review), ou seja, tanto os nomes dos pareceristas quanto os dos autores permanecerão em sigilo.

O título abreviado da revista é Rev. Filos. Aurora e deve ser utilizado em bibliografias, referências, notas de rodapé e legendas bibliográficas.

Missão

Publicar trabalhos da área de Filosofia que contribuam para a reflexão contemporânea no aperfeiçoamento do processo de humanização.

Objetivo da revista

Publicar trabalhos originais e inéditos que promovam a difusão de estudos e pesquisas nas diferentes áreas da Filosofia.

Visão

Consolidar-se com revista referência para área de Filosofia, especialmente nas áreas de compõem as linhas de investigação do Programa de Pós-Graduação em Filosofia: Ontologia e Epistemologia; Ética e Filosofia Política; e Filosofia da Psicanálise.

Processo de Avaliação pelos Pares

A revista publica artigos científicos e resenhas adotando o processo de revisão (peer review) entre os membros do Conselho Editorial ou da comunidade científica especializada, em sistema duplo de revisão anônima (blind review), ou seja, tanto os nomes dos pareceristas quanto os dos autores permanecerão em sigilo.

Sistema de Avaliação dos Artigos 

A Revista de Filosofia Aurora utiliza o programa de identificação de plágios SafeAssign

Periodicidade

Quadrimestral

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

A Revista de Filosofia Aurora não realiza cobrança de taxas para processamento e submissão aos autores.

Esta revista utiliza a licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista de Filosofia Aurora

Fundada em 1988 com o nome de Revista de Filosofia da PUCPR com o intuito de constituir um canal aberto para divulgação da pesquisa em filosofia, especialmente da produção local e sem a preocupação com a adoção de focos temáticos. No entanto, a partir de 1998, o Curso de Filosofia da PUCPR passou a exigir uma maior qualificação de sua produção intelectual, principalmente em função do amadurecimento de grupos de pesquisa e do diálogo com outros centros de pesquisa em filosofia. Tais mudanças repercutiram na revista, que passou por um amadurecimento, desde a reestruturação do comitê editorial passando pela rigorosa seleção dos artigos, predominantemente de pesquisadores externos à PUCPR. Tal amadurecimento, no qual a revista teve, por sua vez, importante papel, culminou na apresentação de um projeto de Mestrado em Filosofia aprovado pela CAPES em 2003. Por conta disso, as atividades do mestrado, que tiveram início em 2004, especialmente aquelas ligadas aos projetos de pesquisa que se desenvolvem em conjunto com pesquisadores de outras instituições impulsionaram o crescimento da Revsta. 

Neste ponto, a Revista ampliou ainda mais seu propósito inicial, para apresentar-se como um canal de divulgação da pesquisa de qualidade em filosofia aberto não apenas para a comunidade filosófica local, mas de todo o país e do exterior, oferecendo para essa mesma comunidade diferentes tipos de produção bibliográfica como, dossiês, artigos diversificados, resenhas, ensaios e resumos de dissertações.

Felizmente a sequência de sua evolução não parou por aqui, tendo atingido seu ápice a partir do segundo semestre de 2006 pela combinação de dois fatores, a saber: a rearticulação das produções classificadas sob a rubrica de dossiê e fluxo-contínuo, além de resenhas; a revisão de seu layout e diagramação, inclusive ganhando versão eletrônica.

No início de 2008, a Revista de Filosofia Aurora, por meio de suas novas políticas de publicação, tornou-se referência no cenário filosófico nacional. Isso também foi confirmando a partir da abertura do Doutorado em Filosofia na PUCPR, no ano de 2012, fato que representou um novo passo no esforço qualitativo que tem marcado a trajetória do periódico. Atualmente, a Revista de Filosofia Aurora, tem procurado estreitar os laços entre as políticas adotadas pelos indexadores e o contato com diversas universidades estrangeiras com o objetivo de internacionalizar cada vez mais o periódico.

Histórico do periódico

A presente publicação foi fundada em 1988 com o nome de Revista de Filosofia da PUC-PR com o intuito de constituir um canal aberto para divulgação da pesquisa em filosofia, especialmente da produção local. No entanto, a partir de 1998, o Curso de Filosofia da PUCPR passou a exigir uma maior qualificação de sua produção intelectual, principalmente em função do amadurecimento de grupos de pesquisa e do diálogo com outros centros de pesquisa em filosofia. Tais mudanças repercutiram na revista, que passou por um amadurecimento, desde a reestruturação do comitê editorial passando pela rigorosa seleção dos artigos, predominantemente de pesquisadores externos à PUCPR. Tal amadurecimento, no qual a revista teve, por sua vez, importante papel, culminou na apresentação de um projeto de Mestrado em Filosofia aprovado pela CAPES em 2003. Por conta disso, as atividades do mestrado, que tiveram início em 2004, especialmente aquelas ligadas aos projetos de pesquisa que se desenvolvem em conjunto com pesquisadores de outras instituições impulsionaram o reconhecimento da Revista. 

Neste ponto, a Revista ampliou ainda mais seu propósito inicial, para apresentar-se como um canal de divulgação da pesquisa de qualidade em filosofia aberto não apenas para a comunidade filosófica local, mas de todo o país e do exterior, oferecendo para essa mesma comunidade diferentes tipos de produção bibliográfica como, dossiês, artigos diversificados, resenhas, ensaios e resumos de dissertações.

Felizmente a sequência de sua evolução não parou por aqui, tendo atingido seu ápice a partir do segundo semestre de 2006 pela combinação de dois fatores, a saber: a rearticulação das produções classificadas sob a rubrica de dossiê e fluxo-contínuo, além de resenhas; a revisão de seu layout e diagramação, inclusive ganhando versão eletrônica.

No início de 2008, a Revista de Filosofia Aurora, por meio de suas novas políticas de publicação, tornou-se referência no cenário filosófico nacional. Isso também foi confirmando a partir da abertura do Doutorado em Filosofia na PUCPR, no ano de 2012, fato que representou um novo passo no esforço qualitativo que tem marcado a trajetória do periódico. Atualmente, a Revista de Filosofia Aurora, tem procurado estreitar os laços entre as políticas adotadas pelos indexadores e o contato com diversas universidades estrangeiras com o objetivo de internacionalizar cada vez mais o periódico.