A MORAL COMO INTERPRETAÇÃO: a crítica nietzschiana à moral de rebanho

Jelson Oliveira

Resumo


Neste artigo analisaremos a crítica de Nietzsche à moral de rebanho (identificada como a moral platônicosocrático- cristã) a partir de sua noção de moral como interpretação. Passando pela crítica aos filósofos da moral que, de forma superficial, limitaram-se às ações e fatos morais, fazendo um trabalho de fundamentação e não de problematização da moral, Nietzsche critica a expansão do instinto gregário negador da vida, sob os parâmetros da igualdade e da coletividade, e abona a solidão como virtude do tipo nobre, capaz de
reconduzir o homem para “si mesmo”. 
Palavras-chave: Interpretação, Hierarquia, Solidão, Moral de rebanho, Instinto gregário.


Texto completo:

PDF

Referências


GIACÓIA JÚNIOR., Oswaldo. Nietzsche & Para

Além de Bem e Mal. São Paulo, SP: Jorge Zahar,

MARTON, Scarlett. Lobo, cordeiros e aves de Rapina:

um diagnóstico de nossos valores morais.

Revista Filosofia, Curitiba, v. 13, n. 12, p. 13-22,

jan./jul. 2001.

MAUER. Trans/inform/ação, São Paulo, SP, v.

, p. 171-172, 1995.

NIETZSCHE, F. W. Obras incompletas. 3. ed.Tradução de Rubens Rodrigues Torres Filho. São

Paulo, SP: Abril Cultural, 1983. (Col. Os pensadores).

_________ . Genealogia da Moral: uma polêmica.

Tradução de Paulo César de Souza. São Paulo,

SP: Companhia das Letras, 2002.

_____ . Além do Bem e do Mal: prelúdio a uma

Filosofia do Futuro. Tradução de Paulo César de

Souza. 2. ed. São Paulo, SP: Companhia das Letras,

_____ . Assim falou Zaratrustra. São Paulo, SP:

Círculo do Livro, [19—?]. (Nota ao aforismo 1999).

_________ . Crepúsculo dos Ídolos: ou como

filosofar com o martelo. Tradução de Marco Antônio

Casa Nova. 2. ed. Rio de Janeiro, RJ: Relume

Dumará, 2000. (Conexões, n. 8).




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/rfa.v15i16.988

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.