Edith Stein e a Filosofia de Platão

Gilfranco Lucena Santos

Resumo


Este artigo tem por objetivo pôr em evidência a conexão entre o pensamento de Stein e a filosofia de Platão. A hipótese a respeito desta relação leva em conta o esquema descrito por Stein em Ser finito e ser eterno, quando ela examina a conexão conceitual entre Aristóteles e Platão e expõe uma visão geral sobre os diferentes significados de οὐσία e ὄν. Neste mapa conceitual, Stein nos mostra que a expressão platônica ὄντως ὄν é equivalente a εἶδος, e ela deve ser considerada um fundamento para οὐσία e λόγος νοήτος. A análise desta conexão nos mostra que o caminho de Stein para a filosofia de Platão coloca seu projeto fenomenológico na mesma perspectiva da fenomenologia transcendental de Husserl, na qual as idealidades exercem um papel significativo para a constituição do mundo objetivo.


Palavras-chave


Edith Stein. Fenomenologia. Platão. Ontologia. Idealidade.

Texto completo:

PDF

Referências


BURNET, I. (Ed.). Platonis Opera I-V. Oxford, 1900-1907.

HEIDEGGER, M. Nietzsche. Erster Band. 1. ed. Günther Neske Pfullingen, 1961.

HEIDEGGER, M. Nietzsche I. Trad. Marco Antônio Casanova. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2010.

KORELC, M. O debate “realismo versus idealismo” em Husserl e Edith Stein. In: MAHFOUD, M.; SAVIAN FILHO, J. Diálogos com Edith Stein: Filosofia, Psicologia e Educação. São Paulo: Paulus, 2017. p. 161-202.

MURACHCO, H.; MAIA JR., J.; SANTOS, J. T. (Ed.). Platão. Sofista. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2011.

NUNES, C. A. (Ed.). Platão. A República. 3. ed. Belém: EDUFPA, 2000.

NUNES, C. A. (Ed.). Platão. Teeteto/Crátilo. 3. ed. Belém: EDUFPA, 2001.

SANTOS, G. L. O caráter intermediário da Matemática e o estatuto ontológico de seus elementos segundo Platão e Aristóteles. Archai. Revista sobre as Origens do Pensamento Ocidental, n. 19, jan./abr., p. 129-166, 2017.

SAVIAN FILHO, J. Idealismo e Realismo em Edith Stein. Revista Filosófica São Boaventura, v. 7, n. 1, Curitiba, p. 11-28, 2014.

SAVIAN FILHO, J. Edith Stein para além do debate “idealismo versus realismo”: notas de um estudo em construção. MAHFOUD, M.; SAVIAN FILHO, J. Diálogos com Edith Stein: Filosofia, Psicologia e Educação. São Paulo: Paulus, 2017. p. 203-255.

STEIN, E. Endliches und ewiges Seins; Versuch eines Aufstiegs zum Sinn dês Seins. Edith Steins Werke, Band II. Louvain: E. Nauwelaerts; Freiburg: Herder, 1950.

STEIN, E. Potenz und Akt. Studien zu einer Philosophie des Seins. Freiburg; Basel; Wien: Herder, 1998.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/1980-5934.29.048.DS07

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.