Edith Stein e suas contribuições para a psicologia

Suzana Filizola Brasiliense Carneiro, Andrés Eduardo Aguirre Antúnez

Resumo


Este artigo tem como objetivo ilustrar as contribuições de Edith Stein para a Psicologia a partir de uma pesquisa empírica que buscou compreender o processo formativo dos moradores de uma região periférica de Salvador. Para tanto, apresenta os resultados de uma análise, baseada na obra Contribuições à fundamentação filosófica da Psicologia e das Ciências do Espírito, que ilustra o percurso individual de três participantes da pesquisa. A análise possibilita identificar cinco vivências comuns (vivências psicofísicas de forte intensidade; vivência do limite pessoal; vivência da escuta de si; vivência da luta interior; e vivência de uma decisão livre) que marcam o processo de transformação dos sujeitos, orientados por um projeto pessoal. Exemplifica, deste modo, a contribuição da fenomenologia de Edith Stein para a Psicologia no sentido de não reduzir a pessoa aos desafios do contexto em que vive ou aos condicionamentos psicofísicos aos quais está submetida, mas a enxergá-la na sua inteireza, discriminando as diferentes naturezas de vivências e o seu modo singular de viver, com a potência que ele contém.


Palavras-chave


Edith Stein. psicologia. violência. Alagados. formação humana

Texto completo:

PDF

Referências


ALES BELLO, A. Presentazione. In: STEIN, E. Psicologia e Scienze dello Spirito: Contributi per uma fondazione filosofica. Trad. A. M. Pezzela. Roma: Città Nuova, 1999. p. 5-32.

ALES BELLO, A. Percurso de um psiquiatra. Trad. M. L. Fernandes. Revista Pistis&Praxis: Teologia Pastoral, v. 3, n. 2, p. 541-554, 2011.

ALES BELLO, A. L’eredità di Ludwig Binswanger in Bruno Callieri. Rivista Comprendre, n. 23, 2013-I.

ALES BELLO, A. Pessoa e comunidade: comentários: psicologia e ciências do espírito de Edith Stein. Trad. M. Mahfoud; J. T. G. Garcia. Belo Horizonte: Artesã, 2015.

ANTÚNEZ, A. E. A. Perspectivas fenomenológicas em atendimentos clínicos: humanologia. Tese (Livre Docência) – Departamento de Psicologia Clínica, Instituto de Psicologia, Universidade de São Paulo. São Paulo, 2012.

CALLIERI, B. Nihil est praeter individum. In: ALES BELLO, A; MANGANARO, P. (Orgs.). ...E la coscienza? Fenomenologia, psico-patologia, neuroscienze. CerchiConcentrici, collana del Centro Italiano di Ricerche Fenomenologiche. Bari: Edizioni Giuseppe Laterza, 2012. p. 635-660.

CARDOSO, C. de R. D. Contribuições de Edith Stein para a epistemologia das ciências e para a psicologia científica. Dissertação (Mestrado em Psicologia) — Departamento de Psicologia, Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2012.

CARNEIRO, S. F. B. A formação humana em contexto de violência: uma compreensão clínica a partir da fenomenologia de Edith Stein. Tese (Doutorado em Ciências: Psicologia Clínica) — Instituto de Psicologia, Universidade Estadual

de São Paulo, São Paulo, 2016.

SAFRA, G. Hermenêutica na situação clínica o desvelar da singularidade pelo idioma pessoal. São Paulo: Edições Sobornost, 2006.

SILVA, N. H. L. Saúde Mental na Estratégia de Saúde da Família: uma compreensão a partir da fenomenologia de Edith Stein. Tese (Doutorado em Ciências: Psicologia) — Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto, Universidade Estadual de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011. Disponível em:. Acesso em: 22 fev. 2017.

STEIN, E. Psicologia e scienze dello spirito: contributi per una fondazione filosofica. 2. ed. Apresent. A. Ales Bello; Trad. A. M. Pezella. Roma: Città Nuova, 1999a.

STEIN, E. La vita come totalità: scritti sull’educazione religiosa. Trad. Tereza Franzosi. Roma: Città Nuova, 1999b.

STEIN, E. El ser humano. In: STEIN, E. Potência e Ato. Burgos: Monte Carmelo; Espiritualidad; El Carmen, 2007. Obras Completas, v. III: Escritos filosóficos: etapa de pensamiento cristiano: 1921-1936, p. 484-528.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/1980-5934.29.048.DS05

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.