Vozes do sul na encíclica Laudato si’: Fontes e temas

Autores

  • Marcial Maçaneiro Pontifícia Universidade Católica do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.7213/pp.v8i3.1330

Resumo

Este artigo quer destacar as vozes do hemisfério Sul presentes na encíclica Laudato si’ de Papa Francisco (LS, 2015); não só indicando quais e quantas dessas fontes estão inseridas no texto da encíclica, mas como estas mesmas fontes constituem a argumentação do Papa nos principais temas, em cada Capítulo. A análise partiu das fontes do Sul citadas por Papa Francisco no texto (claramente referidas nas notas de rodapé), para chegar às fontes implícitas, incluídas na argumentação, mas não referidas: neste caso, as fontes podem ser verificadas pelo exame de autores e documentos eclesiais
do Sul sobre os principais tópicos da encíclica. Deste modo, no presente estudo, as vozes do Sul são dispostas conforme aos Capítulos da encíclica, indicando quais são e  quê temas constroem, no texto. À conclusão, evidencia-se o quanto Papa Francisco, ele mesmo, pode ser considerado a mais forte voz do Sul, na encíclica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BENTO XVI. Carta encíclica “Caritas in veritate”. Disponível em: <http://w2.vatican.va/content/benedict-xvi/pt/encyclicals/documents/hf_ben-xvi_enc_20090629_caritas-in-veritate.html>. Acesso em: 02 de setembro de 2016.

BOFF. L. Ecologia: grito da terra, grito dos pobres. Rio de Janeiro: Sextante, 2004.

CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL/SETOR PASTORAL SOCIAL [CNBB]. A Igreja e a questão ecológica. São Paulo: Paulinas, 1992.

CONSELHO EPISCOPAL LATINO-AMERICANO [CELAM]. Documento de Aparecida [DAp]. Brasília: Edições CNBB, 2007.

CUNHA, M. do N. Laudato si’: o eco papal de uma busca ecumênica. In: MURAD, A.; TAVARES, S.S. (orgs.). Cuidar da casa comum. São Paulo: Paulinas, 2016, p. 115-128.

DALY, H. E.; FARLEY, J. Ecological economics. Washington: Island Press, 2004.

DERR, T. S. Écologie et libération humaine. Genève: Labor et Fides, 1974.

FERRARO, B. Laudato si’ e a opção pelos pobres. In: MURAD, A.; TAVARES, S.S. (orgs.). Cuidar da casa comum. São Paulo: Paulinas, 2016, p. 65-72.

FRANCISCO. Exortação apostólica “Evangelii gaudium”: a alegria do evangelho [EG]. São Paulo: Paulinas, 2013.

FRANCISCO. Encíclica “Laudato si’” sobre o cuidado da casa comum [LS]. São Paulo: Paulinas, 2015.

FRANCISCO. Misericordiae vultus: bula de proclamação do Jubileu extraordinário da Misericórdia. Disponível em: <http://w2.vatican.va/content/francesco/pt/apost_letters/documents/papa-francesco_bolla_20150411_misericordiae-vultus.html>. Acesso em: 02 de setembro de 2016.

GARCÍA JIMÉNEZ, J. I. El diálogo en Laudato si’. In: GIMÉNEZ-RICO, E. S. (ed.). Cuidar de la tierra, cuidar de los pobres. Maliaño: Editorial Sal Terrae, 2015, p. 125-140.

HAERING, B. Livres e fiéis em Cristo vol. III. São Paulo: Paulinas, 1984. Especialmente p. 157-195 sobre ética ecológica.

LEFF, E. Saber ambiental. Petrópolis: Vozes-PNUMA, 2011.

MAÇANEIRO, M. A ecologia e o ensino social da Igreja: inscrição e alcances de um paradigma. In: ZACHARIAS, R.; MANZINI, R. (orgs.). Magistério e doutrina social da Igreja. São Paulo: Paulinas, 2016, p. 230-283.

PENA-VEGA, A. O despertar ecológico. 2ª ed. Ri de Janeiro: Garamond, 2005.

SCANNONE, J. C. Incarnazione, kénosis, inculturazione e povertà. In: SPADARO, A.; GALLI, C.M. (ed.). La riforma e le riforme nella Chiesa. Brescia: Querininana, 2016, p. 459-484. (Collana BTC 177).

UNESCO. Década das Nações Unidas da Educação para o Desenvolvimento Sustentável 2005-2014. Brasília: UNESCO-OREALC, 2005.

Downloads

Publicado

2016-03-24

Como Citar

Maçaneiro, M. (2016). Vozes do sul na encíclica Laudato si’: Fontes e temas. Revista Pistis Praxis, 8(3), 715–760. https://doi.org/10.7213/pp.v8i3.1330