A pesquisa quantitativa em Psicologia da religião no Brasil

Mary Rute Gomes Esperandio, Hartmut August

Resumo


Embora a Psicologia da Religião no Brasil tenha historicamente uma tradição em pesquisa qualitativa, observa-se nos últimos anos um crescimento significativo de publicações de natureza quantitativa. Assim, este texto tem como objetivo apresentar uma análise dos estudos quantitativos em Psicologia da Religião no Brasil, publicados em língua portuguesa. Para isso, procedeu-se um levantamento dos estudos indexados no Banco de Teses e Dissertações da Capes (Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) e no Portal de Periódicos ScieLO (Scientific Eletronic Library Online) usando vários descritores tais como: “psicologia e religião”, “psicologia e pesquisa quantitativa”, “religião e validação”, “religião e escala”, “religiosidade e escala”, “espiritualidade e escala”, “escala de bem-estar religioso espiritual”, “escala de coping religioso espiritual”, “psiquiatria e religião”, “psiquiatria e pesquisa quantitativa”, “psicologia e validação”, “psiquiatria e validação”. Foram selecionados 70 trabalhos para análise. Os resultados evidenciam que estudos em “psicologia e religião” vem de diferentes áreas de conhecimento levantando a questão sobre a especificidade do campo “psicologia da religião”. As pesquisas quantitativas apontam uma tendência de crescimento, principalmente na utilização de escalas. Os estudos indicam a necessidade de aprofundamento na reflexão sobre o papel da religiosidade e espiritualidade na saúde, nos processos de construção de sentido e propósito na vida, nos sentimentos de bem-estar espiritual e na promoção da saúde mental. Considerando que tais temas vêm sendo abordados desde campos diversos, sugere-se para fins de fortalecimento da Psicologia da Religião como área de conhecimento, a condução de estudos de natureza quali-quanti com base teórica e empírica próprias dessa disciplina.


Texto completo:

PDF

Referências


AQUINO, T. A. A. de; VELOSO, V. G.; AGUIAR; A. A. de; SERAFIM, T. D. B;PONTES, A. de M; PEREIRA, G. de A., & FERNANDES, A. S. Questionário de Sentido de Vida: Evidências de sua Validade Fatorial e Consistência Interna. Psicol. cienc. prof., Brasília, v. 35, n. 1, p. 4-19, mar. 2015.

AQUINO, T. A. A. de; GOUVEIA, V. V.; SILVA, S. de S.; AGUIAR, A. A. Escala de Atitudes Religiosas, Versão Expandida (EAR-20): Evidências de Validade. Avaliação Psicológica, v. 12, 2013. p. 109-119.

AQUINO, T. A. A. et al. Atitude religiosa e sentido da vida: um estudo correlacional. Psicologia: Ciência e Profissão, v. 29, p. 228-243, 2009.

CAPES. Banco de Teses. Brasília, 2014. Disponível em: . Acesso em 21/09/2015.

ESPERANDIO, M.R.G.; MARQUES, L.F. The Psychology of Religion in Brazil. The Internatinal Journal for the Psychology of Religion, v. 25, n. 4, p. 255-271, 2014.

MARQUES, L. F.; SARRIERA, J. C.; DELL'AGLIO, D. D. Adaptação e validação da Escala de Bem-estar Espiritual (EBE): Adaptation and validation of Spiritual Well-Being Scale (SWS). Aval. psicol., Porto Alegre, v. 8, n. 2, p. 179-186, ago. 2009.

MARQUES, L. F.; AGUIAR, A. P. A. Instrumentos de mensuração da religiosidade/ espiritualidade (R/E) e seus construtos. Instruments for Measuring Religiousness/Spirituality (R/S) and its constructs. Rev. Pistis Prax., Teol. Pastor., Curitiba, v. 6, n. 1, p. 107-126, jan./abr. 2014.

KIMURA, M.; OLIVEIRA, A. L. de; MISHIMA, L. S. & UNDERWOOD, L. G. Adaptação cultural e validação da Underwood's Daily Spiritual Experience Scale - versão brasileira. Rev. esc. enferm. USP, São Paulo, v. 46, n. spe, p. 99-106, oct. 2012.

PAIVA, G. J. de et al. Psicologia da Religião no Brasil: a produção em periódicos e livros. Psic.: Teor. e Pesq. v. 25, n. 3, p. 441-446, 2009.

PALOUTZIAN, R.; PARK, C. L. Directions for the Future of the Psychology of Religion and Spirituality. In: PALOUTZIAN, R.; PARK, C. L. Handbook of the Psychology of Religion and Spirituality. New York/London: Guilford Press, 2013. p. 650-665.

PANZINI, R. G.; MAGANHA, C.; ROCHA, N. S. da; BANDEIRA; D. R.; FLECK, M. P. Validação brasileira do Instrumento de Qualidade de Vida/espiritualidade, religião e crenças pessoais. Rev. Saúde Pública, São Paulo, v. 45, n. 1, p. 153-165, feb. 2011.

PANZINI, R. G.; BANDEIRA, D. R. Escala de coping religioso-espiritual (Escala CRE): elaboração e validação de construto. Psicol. estud., Maringá, v. 10, n. 3, p. 507-516, dec. 2005.

SANTOS, W. S. S.; GOUVEIA, V. V.; GUERRA, V. M.; COUTINHO, M. de L.; FERNANDES, D. P. Índice de Compromisso Religioso (ICR): elaboração e evidências psicométricas. Psicologia: Reflexão e Crítica, v. 25, n. 3, p. 523-531, 2012. SciELO - Scientific Electronic Library Online. São Paulo: FAPESP, 2015. Disponível em: . Acesso em: 15/09/2015.

TAUNAY, T. C.; Claussen D'Escragnolle; GONDIM, F. A. A. de MACÊDO, D. S; MOREIRA-ALMEIDA, A. GURGEL, L. A. ANDRADE, L. M. S.; CARVALHO, A. F. Validação da versão brasileira da escala de religiosidade de Duke (DUREL). Rev. psiquiatr. clín., São Paulo, v. 39, n. 4, p. 130-135, 2012.

TAUNAY, T. C.; CRISTINO, E. D.; MACHADO, M. O; ROLA, F. H.; LIMA, J. W. O; MACÊDO, D. S.; GONDIM, F. A. A; MOREIRA-ALMEIDA, A.; CARVALHO, A. F. Development and validation of the Intrinsic Religiousness Inventory (IRI). Revista de Psiquiatria Clínica, v. 34, p. 76-81, 2012b.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/2175-1838.09.001.DS03

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.