A Bioética teológica e a sua pertinência no debate social atual

Evandro Arlindo de Melo, Mário Antônio Sanches, María Del Carmen Massé García

Resumo


O presente artigo aborda a presença da Teologia no contexto da Bioética. O objetivo do texto é identificar as tensões entre as duas áreas, mapear historicamente a contribuição da Teologia para a nova disciplina e a possibilidade de falar de uma bioética teológica. A pesquisa bibliográfica e documental demonstra que a reflexão teológica influenciou no surgimento da Bioética, tanto numa preparação remota como em contribuição mais específica no início da segunda metade do século XX. Deste modo, destaca-se que as duas disciplinas podem se enriquecer entre si, desde que as contribuições recíprocas mantenham uma postura dialogante e respeitosa. Conclui-se que é possível falar de bioética teológica na medida em que a reflexão teológica compreenda o caráter secular e plural próprio da Bioética.


Palavras-chave


Teologia; Bioética; Sociedade.

Texto completo:

PDF

Referências


BENTO XVI. Discurso à Congregação para a Doutrina da Fé reunida em sessão plenária. 31 de Janeiro de 2008. Disponível em:

xvi/pt/speeches/2008/january/documents/hf_ben-xvi_spe_20080131_dottri na-fede.html>. Acesso em: 01 dez. 2016.

COPPENS, C. Moral Principles and Medical Practice: The Basis of American Jurisprudence. New York: Benziger Brothers, 1897.

COUTINHO, V. Bioética e Teologia: a mais-valia de uma relação mútua. Didaskalia, Lisboa, v. 1, n. XXXVI, p. 191-213, jan./mar. 2006.

DE LA TORRE, J. Religiones y Bioética: ecos de una relación desde el âmbito norteamericano y mediterráneo. In: DE LA TORRE, J. (org). Veinte años de Bioética en España: memoria de una Bioética “en compañia”. Madrid: Comillas, 2008. p. 12-37.

DURANT, G. Introdução Geral à Bioética: história, conceitos e instrumentos. Trad. Nicolás Nyimi Campanário. 2. ed. São Paulo: São Camilo/Loyola, 2007.

GAFO, J. ¿Bioética “Católica”? In: GAFO, J. (Ed.). Fundamentación de la Bioética y manipulación genética. Madrid: Comillas, 1988. p. 119-132.

GAFO, J. Bioética Teológica. 3 ed. Madrid: Comillas/Desclée de Brouwer, 2003.

JACOBY, G. Physician, Pastor and Patient: Problems in Pastoral Medical. New York: P. B. Hoeber, 1936.

JONSEN, A. R. The birth of Bioethics. New York: Oxford University Press, 1998.

JONSEN, A. R. Breve historia de la ética médica. Trad. Juan Antonio Medina López. Madrid: Comillas/San Pablo, 2011.

JUNGES, J. R. Bioética: hermenêutica e casuística. São Paulo: Loyola, 2006.

MACINTYRE, A. Theology, ethics and the ethics of medicine and health care:

Comments on papers by Novak, Mouw, Roach, Cahill, and Hartf. Journal of Medicine and Philosophy, Oxford, n. 4, p. 435-443, 1979.

POTTER, R. Bioética: Ponte para o future. São Paulo, Loyola, 2016.

SANCHES, M. A.; SOUZA, W. Bioética e sua relevância para a Educação. Diálogo Educacional, Curitiba, v. 8, p. 277-287, 2008.

SPERRY, W. L. Ethical Basis of Medical Care. New York: P. B. Hoeber, 1950.

VICINI, A.; KENNAN, J. F. O futuro da Bioética. Bioethikos, São Paulo, v. 5, n. 1, p. 10-20, 2011.

VICO PEINADO, J. Como hablar de “Bioética Teológica”? Moralia, Madri, v. 26, p. 439-473, 2003.

VIDAL, M. Bioética Teológica: Identidad, Epistemología y Presencia Pública. In: VELASCO, J. M. de (ed.). Bioética y Humanismo Cristiano. Bilbao: Deusto, 2011. p. 115-129. (Série Teología, 38).




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/2175-1838.10.002.DS07

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Editora Universitária Champagnat

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.