Conflitos de autoridade em 1Cor 9,1-2

Isidoro Mazzarolo

Resumo


O texto propõe uma exegese em torno do conflito de autoridade no ministério apostólico das primeiras décadas e os critérios para a autoridade de pregar, ensinar e anunciar o evangelho. O estudo de 1Cor 9,1-2 revela a rejeição ou a não aceitação da autoridade de Paulo ao ministério apostólico. Aqueles que fazem oposição não são declarados, mas apresentam critérios tradicionais e conservadores de autoridade. Paulo reclama sua liberdade e sua autoridade como apóstolo, pois o mesmo Jesus que enviou os outros foi quem o enviou em missão. Esse conflito mostra como o cristianismo primitivo labutou para a sua estruturação dentro de uma pluralidade de mentalidades, de correntes de pensamento e até ideologias religiosas. O apóstolo dos gentios não queria que o fruto do seu trabalho fosse prejudicado por pessoas com intenções desonestas, mesmo que fossem membros das comunidades. 


Palavras-chave


Apostolado; Autoridade apostólica; Missão; Conflitos de autoridade.

Texto completo:

PDF

Referências


BARBAGLIO, G. As cartas de Paulo I. São Paulo: Loyola, 1989.

FEE, G. D. The First Epistle to the Corinthians. The New International Commentary on the New Testament. Michigan: Wm. B. Eerdmans, 1984.

FOESTER, W. Exousía. In: KITTEL, R. Theological dictionary of the new testament. Michigan: Wm. B. Eerdmans, 2006. p. 560-575.

HURD Jr, J. C. The origin of I Corinthians. Georgia: Mercer Univ. Press, 1983.

MARE, W. H. Corinthians. In: THE EXPOSITOR’S Bible commentary, with new international version, v. 10. Madrid: Zondervan, 1984.

MAZZAROLO, I. O Apóstolo Paulo, o grego, o judeu e o cristão. Rio de Janeiro: Mazzarolo Editor, 2008a.

MAZZAROLO, I. Primeira Carta aos Coríntios, exegese e comentário. Rio de Janeiro: Mazzarolo Editor, 2008b.

MURPHY O-CONNOR, J. Jesus e Paulo, vidas paralelas. São Paulo: Paulinas, 2005.

PASTOR RAMOS, F. La libertad en la Carta a los Gálatas. Madrid: Publicaciones de la Universidad Pontifícia Comillas, 1977.

SCHLIER, H. “Eleytheros”. In: KITTEL, R. Theological Dictionary of the New Testament. Michigan: Wm. B. Eerdmans, 2006. p. 487-582.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/pp.v3i1.14315

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.