Internet e participação: uma análise de mapeamentos colaborativos

Paulo Victor Sousa

Resumo


O advento de mídias locativas tem modificado a forma como encaramos e vivenciamos o espaço urbano. Diversos pesquisadores buscam entender como os lugares estão sendo representados, como se mesclam, influenciam e são influenciados pelos meios de comunicação. No atual contexto da web 2.0, caracterizada pela presença de usuários auto-organizados, algumas das práticas mais recorrentes são as que lidam com mapeamento e anotação espacial e que são abertas à cooperação pública. Este artigo apresenta um estudo das ferramentas de empoderamento de cinco mapas disponíveis online e destinados à identificação espacial de problemas urbanos. Ponderamos a participação dos seus usuários e propomos uma classificação de tais serviços segundo a escala introduzida por Sherry Arnstein.

Palavras-chave


Internet; Mapeamento colaborativo; Participação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.7213/rec.v12i27.22357

Apontamentos

  • Não há apontamentos.