O cuidar da população com ética e o olhar do homem samaritano em Lc 10, 25-37: Análise de custo diária/UTI versus dose de Vacinas/imunizantes para o combate à Covid-19/2021/Brasil

Autores

  • Sidiney Rodrigues "UNIR-Fundação Universidade Federal de Rondônia, campus Vilhena". "PUCPR - Pontifícia Universidade Católica-Curitiba/PR".
  • Waldir Souza Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), Curitiba, PR, Brasil.
  • Fernando Luiz Andrade Bahiense Universidade da Região de Joinville (UNIVILLE), Joinville, SC, Brasil.
  • Elder Gomes Ramos Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR), Vilhena, RO, Brasil.
  • Volmar Meia Casa Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul, Campus de Nova Andradina.

DOI:

https://doi.org/10.7213/2175-1838.13.003.AO06

Resumo

O cuidado em saúde deve ser permeado pelo amor, a amizade e a solidariedade entre os indivíduos envolvidos no processo. A imagem do bom samaritano do Evangelho de Lucas é considerada modelo de cuidado e deve ser seguida por todo aquele que se pretende ético e competente no ato do cuidar. Esta pesquisa teve como objetivo geral demonstrar, por meio de comparação de cálculos e modelos matemáticos, a variação entre o custo de UTI/Covid-19 versus custo vacina para o combate à Covid-19 tendo como premissa o cuidado da população brasileira por meio da vacinação em massa e a previsão para erradicação da doença no Brasil, considerando a imagem do bom samaritano como modelo de cuidado e de atitude ética a ser seguida. O método adotado foi o dialético-descritivo precedido de revisão de literatura com abordagem qualitativa. A análise dos dados foi feita a partir da comparação entre os valores gastos com as três doses de vacina em oposição aos gastos com internação em UTI Covid-19. O resultado obtido destaca que a variação temporal do número de mortos entre jan./21 e out./21, após o início da vacinação, obteve um índice negativo de -10,90%. Concluiu-se, que corroborando as afirmações científicas, a vacina salva, portanto, vacinar é um ato de cuidar e amar o seu próximo, a sua população e que, dentro da obrigação primária do cuidar da população é responsabilidade do Estado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sidiney Rodrigues, "UNIR-Fundação Universidade Federal de Rondônia, campus Vilhena". "PUCPR - Pontifícia Universidade Católica-Curitiba/PR".

Departamento de Ciências Contábeis área de Ciências Sociais Aplicadas - Administração, Ciências Contábeis.

Waldir Souza, Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), Curitiba, PR, Brasil.

Departamento de Teologia, área Ciências da Religião e Teologia.

Fernando Luiz Andrade Bahiense, Universidade da Região de Joinville (UNIVILLE), Joinville, SC, Brasil.

Departamento de Administração e Economia, área de Ciências Sociais Aplicadas - Administração e Economia.

Elder Gomes Ramos, Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR), Vilhena, RO, Brasil.

Departamento de Ciências Contábeis área de Ciências Sociais Aplicadas - Administração, Ciências Contábeis.

Volmar Meia Casa, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul, Campus de Nova Andradina.

Departamento de cursos de Ensino Médio integrado à Formação Técnica, bacharelado em Agronomia e no curso de pós-graduação, lato sensu, em Docência para a Educação Profissional, Científica e Tecnológica, área Educação.

Downloads

Publicado

2021-12-22

Como Citar

Rodrigues, S., Souza, W., Andrade Bahiense, F. L., Gomes Ramos, E., & Casa, V. M. (2021). O cuidar da população com ética e o olhar do homem samaritano em Lc 10, 25-37: Análise de custo diária/UTI versus dose de Vacinas/imunizantes para o combate à Covid-19/2021/Brasil. Revista Pistis Praxis, 13(3). https://doi.org/10.7213/2175-1838.13.003.AO06