A Igreja Adventista do Sétimo Dia no Brasil: inserção e desenvolvimento institucional

Francisco Luiz Gomes de Carvalho

Resumo


A inserção da Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD) em terras brasileiras é constituinte do espectro maior da empreitada estadunidense no Brasil, que, tendo feito da Europa solo fértil para evangelização, desembarcou em solo brasileiro nas correntes imigratórias europeias. Somente fundamentada em uma compreensão densamente elaborada é que se tornou inteligível a relação da inserção da IASD no continente sul-americano nas tramas da chegada do Protestantismo. Por sua vez, a compreensão acerca do processo de institucionalização denominacional que permeia a inserção e o desenvolvimento da IASD nestas terras é subjacentemente tecido com base nas considerações de reverberações weberianas e aponta que a inserção da IASD no Brasil manteve amplas e imbricadas relações com diversos fatores sociohistóricos que, por sua vez, atuaram como condicionantes.


Palavras-chave


Igreja Adventista do Sétimo Dia; Institucionalização; Protestantismo.

Texto completo:

PDF

Referências


AZEVEDO, F. A cultura brasileira. 5. ed. São Paulo: Melhoramentos; Edusp, 1971. (Obras completas, v. XIII).

BELLOTTI, K. K. Mídia presbiteriana no Brasil: luz para o caminho e editora cultura cristã (1976-2001). São Paulo: Annablume; Fapesp, 2005.

BORGES, M. A chegada do adventismo no Brasil. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2000.

BOURDIEU, P. Sobre a televisão. Trad. de Maria Lucia Machado. Rio de Janeiro: J. Zahar, 1997.

CALDEIRA, J. et al. Viagem pela história do Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 1997.

CAMPOS, L. S. Protestantismo e mudança social. In: SOUZA, B. M.; MARTINO, L. M. S. (Org.). Sociologia da religião e mudança social. São Paulo: Paulus, 2004.

CARDOSO, F. H. Mensagem do senhor presidente da República por ocasião do centenário da Casa Publicadora Brasileira. Revista adventista, ano 96, n. 6, jun. 2000. Disponível em: . Acesso em: 22 set. 2011.

DOUGLAS, H. E. Mensageira do senhor: o ministério profético de Ellen G. White. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2001.

FONSECA, A. B. Muito além do sábado: o pioneirismo adventista na mídia eletrônica religiosa. Revista de Estudos da Religião, v. 8, p. 89-100, set. 2008. Disponível em: . Acesso em: 10 ago. 2011.

GREENLEAF, F. Terra de esperança: o crescimento da Igreja Adventista na América do Sul. Tatuí: Casa Publicadora Brasileira, 2011.

LEONARD, E. O protestantismo brasileiro: estudo de eclesiologia e história social. São Paulo: Aste, 1963.

LESSA, R. Bênçãos e lições dos cem anos da Casa Publicadora Brasileira. Revista Adventista, ano 96, n. 6, jun. 2000a. Disponível em: . Acesso em: 22 set. 2011.

LESSA, R. Editorial. Revista Adventista, v. 96, n. 1, jan. 2000b. Disponível em: . Acesso em: 22 set. 2011.

MARTINO, L. M. S. Mídia e poder simbólico: um ensaio sobre comunicação e campo religioso. São Paulo: Paulus, 2003.

MATOS, J. S. A. Memória e história do trabalho missionário adventista no Brasil. 1993. 174 f. Dissertação (Mestrado em História) — Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 1993.

MENDONÇA, A. G. Protestantismo brasileiro, uma breve interpretação histórica. In: SOUZA, B. M.; MARTINO, L. M. S. (Org.). Sociologia da religião e mudança social: católicos, protestantes e novos movimentos religiosos no Brasil. São Paulo: Paulus, 2004.

MENDONÇA, A. G. O celeste porvir: a inserção do protestantismo no Brasil. 3. ed. São Paulo: EdUSP, 2008.

MESQUIDA, P. Hegemonia norte-americana e educação protestante no Brasil. Juiz de Fora: EdUFF; São Bernardo do Campo: Editeo, 1994.

OLIVEIRA FILHO, J. J. de. Formação histórica do movimento adventista. Estudos Avançados, v. 18, n. 52, p. 157-179, 2004. Disponível em: . Acesso em: 10 ago. 2011.

PASSOS, J. D. Como a religião se organiza: tipos e processos. São Paulo: Paulinas, 2006.

PRESTES FILHO, U. F. O indígena e a mensagem do segundo advento: missionários adventistas e os povos indígenas na primeira metade do século XX. 2006. 375 f. Tese (Doutorado em História Social) — Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, 2006. Disponível em:. Acesso em: 10 set. 2011.

SCHÜNEMANN, H. E. S. A inserção do adventismo no Brasil através da comunidade alemã. Rever, v. 3, n. 1, p. 27-40, 2003. Disponível em: . Acesso em: 10 ago. 2011.

SCHWARZ, R. W.; GREENLEAF, F. Portadores de luz: história da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Engenheiro Coelho: Unaspress, 2009.

SEYFERTH, G. A colonização alemã no Brasil: etnicidade e conflito. In: FAUSTO, B. (Org.). Fazer a América. São Paulo: Edusp; Fundação Alexandre de Gusmão, 2000.

STEIN JR., W. Our international school in Brazil. The Advent Review and Sabbath Herald, v. 74, n. 16, p. 251, Apr. 1897. Disponível em: . Acesso em: 16 set. 2011.

THURSTON, W. H. A trip to Southern Brazil. The Advent Review and Sabbath Herald, v. 74, n. 14, p. 219-220, Apr. 1897. Disponível em: . Acesso em: 16 set. 2011.

THURSTON, W. H. Brazil. The Advent Review and Sabbath Herald, v. 78, n. 14, p. 221, Apr. 1901. Disponível em: . Acesso em: 20 set. 2011.

TIMM, A. R. Primórdios do adventismo no Brasil – parte 1. Revista Adventista, p. 12-14, jan. 2005a. Disponível em: . Acesso em: 10 set. 2011.

TIMM, A. R. Primórdios do adventismo no Brasil – parte 2. Revista Adventista, p. 12-14, fev. 2005b. Disponível em: . Acesso em: 15 set. 2011.

WESTPHAL, F. H. South America – Brazil. The Advent Review and Sabbath Herald, v. 72, n. 29, p. 459, July 1895. Disponível em: . Acesso em: 15 set. 2011.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/revistapistispraxis.06.003.ao05

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.