Avaliação do desempenho físico e funcional respiratório em obesos [I]

Kadma Karênina Damasceno Soares, Évelim Leal Freitas Dantas Gomes, Alceu Beani Júnior, Luis Vicente Franco de Oliveira, Luciana Maria Malosá Sampaio, Dirceu Costa

Resumo


Introdução: O desempenho físico tem se tornado importante objeto de estudo em obesos para a avaliaçãopré-operatória de cirurgia bariátrica. Contudo, ainda há escassez de estudos, especialmente, no quese refere aos testes de campo ou de capacidade funcional. Objetivo: comparar os resultados do Teste deCaminhada de seis Minutos (TC6’) com os do Shuttle Walk Test (SWT) em mulheres obesas, juntamentecom as respostas do questionário HAQ-20. Metodologia: avaliaram-se 13 mulheres, com idade média de44 ± 11 anos e com Índice de Massa Corpórea (IMC) 43 ± 5 kg/m², submetidas, aleatoriamente e de formaconsecutiva, a TC6’, SWT, espirometria, força muscular respiratória e questionário HAQ-20. Resultados:Constatou-se que as distâncias apresentaram-se significativamente diferentes (TC6’ = 489 ± 129 m eSWT = 244 ± 161 m), sendo que o score do HAQ-20 apresentou uma mediana de 1,125. Quando verificada a correlação do HAQ-20 com TC6’ e o SWT, esta foi constatada apenas para o domínio vestir-se com osresultados do TC6. Conclusão: Com base nesses resultados, conclui-se que a distância percorrida no TC6’foi maior que no SWT, o que sugere melhor aplicabilidade do TC6’ em obesos, sendo, nesse caso, possivelmentemais sensível na avaliação da capacidade funcional que o SWT. Os resultados do HAQ-20 forampouco discriminadores, pois um domínio entre oito mostrou-se significativo quando correlacionado comas distâncias percorridas.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0103-51502011000400014

Apontamentos

  • Não há apontamentos.