Ganho de extensibilidade dos músculos isquiotibiais comparando o alongamento estático associado ou não à crioterapia

Fernanda de Oliveira Busarello, Francieli Tibes de Souza, Grazieli Francine de Paula, Lizyana Vieira, Gustavo Kiyosen Nakayama, Gladson Ricardo Flor Bertolini

Resumo


Introdução: A crioterapia é indicada para diminuir o desconforto durante as sessões de alongamento e proporcionar melhores resultados no ganho de extensibilidade. O objetivo do estudo foi verificar o ganho de extensibilidade dos músculos isquiotibiais, comparando o alongamento estático, com o alongamento estático associado à crioterapia. Materiais e Métodos: Participaram 20 indivíduos, com idade entre 18 e 25 anos, divididos igualmente em dois grupos, sendo que, ambos realizaram alongamento e alongamento associado à crioterapia. Foram utilizadas bolsas de gelo, na região posterior da coxa, durante 15 minutos. Em seguida, foi realizada a aplicação do alongamento estático de isquiotibiais, em duas séries, de 30 segundos cada. Resultados: Foram encontradas diferenças significativas na extensibilidade dos músculos isquiotibiais em ambos os grupos, porém não houve diferenças significativas na extensibilidade dos músculos isquiotibiais quando comparado o alongamento estático com o alongamento estático associado à crioterapia. Conclusão: Houve aumento imediato da extensibilidade dos músculos isquiotibiais. Porém, o uso de crioterapia não se mostrou eficaz para o ganho de extensibilidade.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0103-51502011000200006

Apontamentos

  • Não há apontamentos.