A efetividade da terapia de liberação posicional (TLP) em pacientes com cervicalgia

Myria Karina Monteiro de Sobral, Priscila Gregório da Silva, Ricardo Alexandre Guerra Vieira, Gisela Rocha de Siqueira

Resumo


Introdução: A cervicalgia de origem mecânica é uma disfunção musculoesquelética que acometenúmero considerável de indivíduos, trazendo prejuízos nas suas atividades de vida diária. Uma dasferramentas da Fisioterapia para o tratamento desta disfunção é a Terapia de Liberação Posicional(TLP), método de tratamento indireto que utiliza pontos sensíveis e uma posição de conforto parasolucionar a disfunção associada. Objetivo: Este estudo teve como objetivo comparar o nível dedor, amplitude de movimento e força muscular antes e após a aplicação da TLP. Metodologia: Foirealizado um estudo analítico, intervencional e randomizado, composto por dois grupos de dez indivíduoscada, um intervencional e um controle, formados por pacientes com diagnóstico de cervicalgiaque estiveram em atendimento na clínica-escola da ASCES. Resultados: Nos resultados observou-seque houve melhora estatisticamente signifi cativa no grupo da intervenção terapêutica em relação aonível de dor, amplitude de movimento e força muscular após a aplicação da TLP, apresentando ump < 0,05. Conclusão: Diante dos resultados obtidos evidencia-se que a TLP é uma técnica efi caz e benéfi ca, podendo ser aliada aos tratamentos já existentes na disfunção músculo esquelética empacientes com cervicalgia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0103-51502010000400002

Apontamentos

  • Não há apontamentos.