FISIOTERAPIA NO DESENVOLVIMENTO NEUROPSICOMOTOR DA SÍNDROME 18 Q-: ESTUDO DE UM CASO

Larissa Salgado de Oliveira, Luana dos Santos Couceiro, Rodrigo Santiago Barbosa Rocha

Resumo


A Síndrome Deletiva do Braço Longo do cromossomo 18 é considerada rara, de baixa incidência, e também pouco conhecida entre os profissionais da área da saúde. Caracteriza-se por anormalidade que resulta na perda parcial do Braço Longo do cromossomo 18. Tal condição causará ao portador uma série de características físicas e mentais que irão interferir negativamente no desenvolvimento neuropsicomotor da criança. A pesquisa objetiva mostrar os benefícios da fisioterapia no desenvolvimento do portador, sendo baseada no estudo de caso de uma paciente portadora a partir de um acompanhamento fisioterapêutico e interdisciplinar ao longo de um período de cinco anos, constatando-se a necessidade de que o portador da síndrome seja acompanhado pelo serviço de fisioterapia, tendo em mente que esta deve ser adaptada paracada criança, de acordo com suas características e alterações funcionais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.