HIDROTERAPIA, POMPAGE E ALONGAMENTO NO TRATAMENTO DA FIBROMIALGIA – RELATO DE CASO

Maíra de Oliveira Rocha, Raquel Alencar de Oliveira, Jussara de Oliveira, Raquel Agnelli Mesquita

Resumo


A Fibromialgia é uma síndrome de dor crônica caracterizada pela presença de dor difusa em músculos, tendões e ossos, sem evidência de componente inflamatório, além de possuir etiologia e fisiopatologia desconhecidas. O achado mais característico é a presença de “Tender Points” que são extremamente dolorosos à palpação. São escassas as informações a respeito de tratamentos eficazes no controle da sintomatologia da fibromialgia. O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos da hidroterapia associada a pompages e alongamentos gerais no tratamento de uma paciente portadora de fibromialgia. A voluntária foi selecionada de forma aleatória e submetida a uma avaliação fisioterapêutica realizada na Clínica de Fisioterapia da UNIARA onde dados sobre a história da patologia apresentada foram colhidos. Além disso, a paciente foi submetida a avaliações: (1) Postural e de flexibilidade muscular; (2) Positividade de “tender points”; (3) Sensação dolorosa e qualidade do sono, por meio da aplicação de escalas análogas visuais. O tratamento consistiu de alongamentos gerais, pompages e hidroterapia em sessões de uma hora, totalizando 10 sessões de tratamento. Foi observado, no presente estudo, que o tratamento proposto trouxe benefícios à paciente, mostrando como resultado a melhora da qualidade do sono, diminuição da positividade dos Tender Points (queda de 55%), melhora da flexibilidade muscular, da postura e do bem-estar geral da paciente.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.