ANÁLISE ESPECTRAL DO MÚSCULO LONGUÍSSIMO DO TÓRAX SUBMETIDO A EXERCÍCIO FATIGANTE

Adalgiso Coscrato Cardozo, Mauro Gonçalves

Resumo


O presente estudo tem por objetivo verificar os comportamentos da freqüência mediana (FM) e da freqüência média (Fmed) do músculo longuíssimo do tórax em duas porcentagens de cargas durante exercício isométrico fatigante. Para tanto participaram deste estudo oito voluntários do gênero masculino. Eles foram posicionados em pé no aparelho MA ISOSTATION 2001 na posição de 45 graus de flexão do quadril para a execução do exercício fatigante com 30% e 60% da contração isométrica voluntária máxima. Para a análise do exercício foi utilizada a eletromiografia de superfície. Os resultados mostram uma diminuição nos valores da Fmed e da FM com a progressão do exercício isométrico, indicando o aparecimento do processo de fadiga muscular. É apresentado também que os valores de Fmed e FM na carga de 30% são próximos à carga de 60%, não sendo influenciados, portanto, pelo nível de carga imposto. Por fim nota-se que os lados apresentam comportamento semelhante, o que indica um controle do equipamento durante o exercício proposto.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.