TECNOLOGIAS ALÉM DO VIRTUAL

Elizete Lúcia Moreira Matos, Francisco Antonio Pereira Fialho

Resumo


Hoje em dia, além do espaço físico e do espaço conceitual, os educadores devem compreender o espaço digital como uma conseqüência da modernidade. Não há como (de) negar a importância desse espaço digital. Crianças adoram os jogos de computador e as aventuras vividas dentro dos mundos de fantasia criados pela tecnologia. Este artigo lida com a necessidade de se ir além da tecnologia, investigando os melhores usos desta nova mídia para melhorar a qualidade dos processos de ensino aprendizagem. As biologias humanas sofrem processos pedagógicos de forma a poderem operar dentro de culturas. È tempo de questionar essa abordagem desumana e desenvolver pedagogias não para adaptar as pessoas a um mundo que está aí, mas desenvolver tantos mundos quantos sejam necessários para que cada um, independente de sua biologia, possa realizar-se.

Texto completo:

PDF

Referências


BROUGÈRE‘, Gilles. Brinquedo e cultura. São Paulo,SP: Cortez, 1995. (Coleção Questões da Nossa Época, v. 43).

CAPRA, Fritjof. O Tao da física: um paralelo entre a física moderna e o misticismo oriental. São Paulo,SP: Pensamento, 1975. 274 p.

_____. O Ponto de mutação: a ciência, a sociedade e a cultura emergente. São Paulo,SP: Pensamento, 1982. 447 p.

_____. A Teia da Vida: uma nova concepção científica dos sistemas vivos. São Paulo,SP: Pensamento, 1996. 256p.

CARLOS NETO (org.) Jogo & desenvolvimento da criança. Lisboa: FMH. Universidade Técnica de Lisboa, 1997. 273p.

ELIAS, Marisa del Ciopto (org.) Pedagogia Freinet: teoria e prática. São Paulo,SP: Papirus, 1996. 207p.

KISHIMOTO, Tisuko M. (org.). Jogo, Brinquedo, brincadeira e a educação. São Paulo,SP: Cortez, 1997. 183p.

_____. Jogos infantis: o jogo, a criança e a educação. Petrópolis: Vozes, 1999. 140p.

PAIVA, Ione M. R. Brinquedos Cantados. Rio de Janeiro,RJ: Sprint, 1998. 111p.

______. Dissertação (Mestrado.em Engenharia de Produção) Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2000

PIAGET, Jean , GRECO, P . Aprendizagem e conhecimento. São Paulo,SP: Freitas Bastos, 1974.

VASCONCELLOS, Vera Maria Ramos de; VALSINER, Jaan. Perspectiva coconstrutivista na psicologia e na educação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1995. 1 02p.

VASCONCELLOS, Celso dos Santos. Para onde vai o professor? resgate do professor como sujeito de transformação. São Paulo,SP: Libertad, 1998.

_____ . Construção do conhecimento em sala de aula. São Paulo,SP: Libertad, 1993.

_____ . Avaliação: concepção dialética-libertadora do processo de avaliação escolar. São Paulo,SP : Libertad, 1995.

ABERASTURY, Arminda. A criança e seus jogos. 2. ed. Porto Alegre: ArtMed, 1992

________. A Psicanálise da criança: teoria e técnica. 7. ed. Porto Alegre: ArtMed, 1982 AJURIAGUERRA, J. G. Manual de psiquiatria infantil. 2. ed. São Paulo,SP : Masson, 1983.

_____ ; MARCELLE, D. Manual de psicopatologia infantil. 2. ed. São Paulo,SP : Masson, 1991; Porto Alegre: Artes Médicas, 1991.

BACHELARD, G. Epistemologia. 2 ed. Rio de Janeiro,RJ: Zahar, 1983.

p. WINNICOTT. O Brincar & a Realidade. Incompleto????

FIALHO, Francisco Antonio Pereira; CATAPAN, Aracy Hack; CASAS, Luis Alberto Alfaro, et. al. Knowledge Building by Full Integration with Virtual Reality Environments and Its Effects on Personal and Social Life. In: International Conference: Education Technology: Asking the Right Questions. Proceedings… Penny State University. Pennsylvania, 1997.

AXELROD, R. M.; COHEN, M.D. Harnessing complexity: organizational implications of a scientific frontier. New York: The Free, 2000.

ASSMANN, H. Reencantar a educação: rumo à sociedade aprendente. Petrópolis: Vozes, 1998.

DEMO, Pedro. Aprendendo a aprender com o professor: análise de experiências recentes. Curitiba: Base, 1998.

_____ . Conhecimento moderno: sobre ética e intervenção do conhecimento. Petrópolis: Vozes, 1998a.

_____ . Questões para a teleducação. Petrópolis: Vozes, 1998b.

TOMIO, D. Uma ecologia cognitiva para a formação permanente de professores(as) de ciências espaço de aprendência. Dissertação (Mestrado) – FURB ( Universidade Regional de Blumenau), 2000.

MATURANA, Humberto R.; VARELA Francisco J. Autopoiesi and cognition: the realization of the living. D. Reidel Publishing Company. Boston, 1980.

ALVES, Rubem. Conversas com quem gosta de ensinar. [S. l.]: [s. n.], 1995 FREIRE, Paulo, RIVIÈRE, P. O processo educativo segundo Paulo Freire e Pichon Rivière . Petrópolis: Vozes. 1987b.

_____ . A importância do ato de ler: em três artigos que se complementam. 22.ed. São Paulo,SP: Cortez, 1988.

_____ . Educação como prática da liberdade. Rio de Janeiro,RJ: Paz e Terra, 1983.

LÉVY, Pierre. O que é o virtual?. Tradução de Pedro Neves. São Paulo,SP: Ed. 34, 1996. 160 p.

_____ . As tecnologias da inteligência: o futuro do pensamento na era da inf_____ . As três virtualizações que fizeram o humano: a linguagem,a técnica e o contrato. In: _____ . O que é o virtual . SãoPaulo, SP: Editora 34, 1996. p 71-78.

_____ . A inteligência coletiva. Rio de Janeiro,RJ: Loyola, 1998.

MANGUEL, Alberto. Uma história da leitura. São Paulo,SP: Companhia das Letras, 1997.

MORIN, E. Enigma do homem. Rio de Janeiro,RJ: Zahar, 1975.

_____ . O método II, a vida da vida. Lisboa: Publicações Europa-América, 1977

PIAGET, Jean , GRECO, P . Aprendizagem e conhecimento. São Paulo,SP: Freitas Bastos, 1974.

VARELA, F., THOMPSON, E., ROSCH, E. The embodied mind. Cambridge:MIT, 1997.

WINNICOTT. O Brincar & a realidade. [199.?].

Editora 34. Rio de Janeiro, 1995.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/rde.v4i13.7058

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat