DO TRADICIONAL AO INOVADOR: A HISTÓRIA DA FISIOTERAPIA, DE DISCIPLINA A PROGRAMA DE APRENDIZAGEM

Marciane Maria Kulczyck, Jayme Ferreira Bueno

Resumo


Este artigo enfoca a mudança da disciplina História da Fisioterapia, que se transformou no Programa de Aprendizagem Determinantes Históricos, Sociais e Culturais da Fisioterapia. Tal mudança ocorreu com a implantação do Projeto Pedagógico da PUCPR. Primeiramente, aborda o ensino tradicional, caracterizado pela relação vertical professor-aluno, e o ensino inovador, no qual essa relação se configura como uma relação horizontal, mais adequada à busca do conhecimento. Relata as mudanças metodológicas ocorridas e como elas influenciaram positivamente ao dinamizar o aprendizado dos discentes no referido Programa de Aprendizagem. 

Texto completo:

PDF

Referências


ARANHA, M. L. A. História da educação. São Paulo: Moderna, 1996.

BEHRENS, M. A. A aprendizagem colaborativa num paradigma emergente. In: BEHRENS, M.; MASETTO, M.; MORAN, J. M. Novas tecnologias e mediação pedagógica. Campinas: Papirus, 2000.

DELORS, J. et al. Educação: um tesouro a descobrir. Relatório para a UNESCO da Comissão Internacional sobre Educação para o século XXI. São Paulo: Cortez; Brasília: UNESCO/MEC, 1999.

DIRETRIZES PARA O ENSINO DE GRADUAÇÃO: o projeto pedagógico da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Curitiba: Champagnat, 2000.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/rde.v4i8.6617

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat