A QUESTÃO AGRÁRIA E A FORMAÇÃO DO EDUCADOR DO CAMPO NO SÉCULO XXI: AS CONTRIBUIÇÕES DA PEDAGOGIA DA TERRA

Nair Casagrande

Resumo


O presente artigo é resultado dos estudos de doutoramentodesenvolvido no Programa de Pós-Graduação em Educação daUniversidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGEDU/UFRGS).Tem como objetivo apresentar as contribuições da formação deeducadores do campo que vem sendo realizada pelos trabalhadoresdo campo, organizados em movimentos sociais articulados pela ViaCampesina Brasil, tendo como referência os Cursos de ‘Pedagogia daTerra’. Para tanto, apresentamos inicialmente o debate sobre a realidadeda educação frente às condições da questão agrária brasileira.Posteriormente expusemos a experiência do curso de licenciaturachamado ‘Pedagogia da Terra’, desenvolvido a partir das reivindicaçõesda classe trabalhadora em confronto nas lutas sociais do campo, ondeconstam os resultados da pesquisa. Finalmente apresentamos asconsiderações finais sobre a problemática investigada.

Texto completo:

PDF

Referências


COGGIOLA, O. La cuestión agraria en Brasil. grupo de pesquisa história e economia mundial contemporâneas. Revista Digital de História Contemporânea, Buenos Aires, p. 1-48, Março 2007. Disponível em:

. Acesso em: 30 mar. 2007.

CONFERÊNCIA NACIONAL POR UMA EDUCAÇÃO DO CAMPO, 2., 2004, Luziânia. Por uma política pública de educação do campo. Goiás: Luziânia, 2004. p. 03.

FERNANDES, B. M. A geografia no cotidiano construindo a cidadania: práticas formais e informais. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENSINO DE GEOGRAFIA, 5., 2003. Presidente Prudente, SP. Anais... Presidente Prudente, SP: [s.n.], 2003. Disponível em: . Acesso em: 12 dez. 2004.

FERNANDES, B. M.; MOLINA, M. C. O campo da educação do campo. In: MOLINA, M. C.; JESUS, S. M. S. (Org.). Contribuições para a construção de um projeto de educação do campo. Brasília, DF: Articulação Nacional, 2004. p. 53-89.

FREITAS, L. C. Ciclos, seriação e avaliação: confronto de lógicas. São Paulo: Moderna, 2003.

ITERRA. Pedagogia da terra. Cadernos do Iterra, Veranopólis, RS, ano 2, n. 6, p. 07-81, 2002.

KOLLING, E. J. et al. (Org.). Educação do campo: identidade e políticas públicas. Brasília, DF: ANCA, 2002.

MARTINS, J. de S. Os camponeses e a política no Brasil. 5. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO – MEC. Diretrizes operacionais para a educação básica nas escolas do campo. Brasília, DF: SECAD, 2002.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO – MEC. Panorama da educação no campo. Brasília, DF: INEP, 2006.




DOI: http://dx.doi.org/10.7213/rde.v8i25.3784

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat