A PARTICIPAÇÃO POLÍTICA NA CONSTRUÇÃO DAS POLÍTICAS SOCIAIS

Daniella Guedes Rocha, Renata Mena Brasil do Couto

Resumo


O contexto mundial gerado pela Primeira Guerra Mundial fez com que o Brasil fosse forçado a acelerar seu processo de industrialização, provocando o crescimento numérico da classe operária e a expansão das atividades sindicais no país. Nesse contexto, o governo brasileiro aumentou seu interesse em controlar os diferentes fatores do processo produtivo industrial, visando à intensificação do processo de acumulação capitalista no país. Ao mesmo tempo, se inicia a implementação de uma série de medidas assistenciais no país, como parte da formação do sistema de políticas sociais brasileiro. Se, inicialmente, esse sistema esteve vinculado, prioritariamente, aos aparatos institucionais do Estado em meados do século XX, e mais recentemente vemos crescer o vínculo entre essas políticas sociais e entidades privatistas de cunho neoliberal. Diante disso, este artigo tem como objetivo observar o contexto histórico e a relação existente entre o surgimento e o desenvolvimento de diferentes formas de participação política na construção das políticas sociais brasileiras.

Palavras-chave


Participação política; Políticas sociais; Movimentos sociais; ONGs

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.