O Estudo de Impacto de Vizinhança como ferramenta de Gestão Urbana em Municípios Paulistas de Médio Porte (100 mil a 400 mil habitantes)

Felipe Facci Inguaggiato, Fábio Noel Stanganini, Edson Augusto Melanda

Resumo


No ano de 2001, o Estatuto das Cidades deu obrigatoriedade à elaboração de Planos Diretores (PD) a municípios com população acima de 20.000 habitantes, entre outros critérios. No mesmo Estatuto, existe um importante instrumento para a gestão sustentável das cidades: O Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV), que busca atenuar impactos negativos de empreendimentos no espaço urbano. O Estado de São Paulo possui 645 municípios, e um quarto da população total reside em municípios de médio porte – aqueles entre 100.000 e 400.000 habitantes, sendo, portanto, obrigatória nesses municípios a elaboração de PD, assim como o EIV como instrumento legislativo. O objetivo deste artigo é levantar a legislação sobre EIV nos municípios preestabelecidos, através de revisão bibliográfica e legislativa referente ao tema. A partir desse levantamento, notou-se que 28,4% dos municípios não possuem, ou apenas fazem menção ao EIV em seus documentos. Outros 11,6% possuem cópia do que é exigido nos Artigos 36 a 38 da Lei 10.257/2001, referentes ao EIV, e 60% possuem legislação complementar ao proposto pela Lei. Logo, observam-se casos de municípios que aportam o EIV de forma satisfatória, e outros que não apresentam condições legislativas para auxiliar ou mitigar impactos da instalação de empreendimentos.


Palavras-chave


Estudo de Impacto de Vizinhança. EIV. Urbanização. Legislação. Plano Diretor.

Texto completo:

PDF

Referências


Americana (2018, 21 de dezembro). Lei n. 6.264, de 21 de dezembro de 2018. Dispõe sobre o Plano Diretor de

Desenvolvimento Físico e Urbanístico do Município de Americana – PDFU, e dá outras providências. Americana: Portal

da Prefeitura de Americana.

Araraquara (2014, 20 de outubro). Lei Complementar n. 858, de 20 de outubro de 2014. Altera a Lei Complementar n.

/2014 no que é pertinente ao uso e ocupação do solo, altera a Lei Complementar 851/2014, altera a Lei

,229/2014 e altera o Decreto 10,666/14 e dá outras providências. Araraquara: Portal da Prefeitura de Araraquara.

Araras (2006, 06 de outubro). Lei Complementar n. 3901, de 06 de outubro de 2006. Dispõe sobre o Plano Diretor do

Município de Araras, suas normas disciplinadoras e dá outras providências. Araras: Portal da Prefeitura de Araras.

Assis (2006, 10 de outubro). Lei Complementar n. 10, de 10 de outubro de 2006. Institui sobre o Plano Diretor do

Município de Assis e dá outras previdências. Assis: Portal da Prefeitura de Assis.

Atibaia (2006, 11 de janeiro). Lei Complementar n. 496/06, de 11 de janeiro de 2006. Dispõe sobre o proceso de

planejamento permanente do Município, sobre a participação comunitária, sobre o regime e a inserção na ordem administrativa do Plano Diretor e dos demais planos que o integram, e dá outras providências. Atibaia: Portal da

Prefeitura de Atibaia.

Barretos (2006, 10 de outubro). Lei Complementar n. 73, de 10 de outubro de 2006. Institui o Plano Diretor de Barretos

e dá outras providências. Barretos: Portal da Prefeitura de Barretos.

Barueri (2009, 18 de dezembro). Lei Complementar n. 245, de 18 de dezembro de 2009. Altera e Consolida a Lei

Complementar n. 175, de 12 de dezembro de 2006. Barueri: Portal da Prefeitura de Barueri.

Bauru (2008, 22 de agosto). Lei 5.631, de 22 de agosto de 2008. Institui o Plano Diretor Participativo do Município de

Bauru. Bauru: Portal da Prefeitura de Bauru.

Birigui (2006, 10 de outubro). Lei Complementar n. 17, de 10 e outubro de 2006. Institui o Plano Diretor Participativo de

Birigui e dá outra providências. Birigui: Portal da Prefeiura de Birirgui.

Botucatu (2017). Lei Complementar n. 1224/2017. Dispõe sobre o Plano Diretor participativo do Município de Botucatu

e dá outras providências. Botucatu: Portal da Prefeitura de Botucatu.

Bragança Paulista (2007, 16 de abril). Lei Complementar n. 534, de 16 de abril de 2007. Aprova o Plano Diretor do

Município de Bragança Paulista, dispõe sobre o sistema municipal de planejamento e dá outras providências. Bragança

Paulista: Portal da Prefeitura de Bragança Paulista.

Brajato, D., & Denaldi, R. (2019). O impasse na aplicação do Estatuto da Cidade: explorando o alcance da PEUC em

Maringá – PR (2009-2015). Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais, 21(1), 45-62.

doi: https://doi.org/10.22296/2317-1529.2019v21n1p45.

Brasil (1979, 19 de dezembro). Lei n. 6.766 de 19 de dezembro de 1979. Dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano e

dá outras Providências. Brasília: Diário Oficial da União.

Brasil (1980, 02 de julho). Lei n. 6.803 de 02 de julho de 1980. Dispõe sobre as diretrizes básicas para o zoneamento

industrial nas áreas críticas de poluição, e dá outras providências. Brasília: Diário Oficial da União.

Brasil (1981, 31 de agosto). Lei n.6.938, de 31 de agosto de 1981. Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente,

seus fins e mecanismos de formulação e aplicação, e dá outras providências. Brasília: Diário Oficial da União.

Brasil (1986, 23 de janeiro). Resolução CONAMA n. 1. Dispõe sobre os critérios básicos e diretrizes gerais para a

avaliação de impacto ambiental. Brasília. Diário Oficial da União.

Brasil (1988, 05 de outubro). Constituição da República Federativa do Brasil, de 05 de outubro de 1988. Brasília: Diário

Oficial da União.

Brasil (1989, 28 de junho). Projeto de Lei do Senado n. 181 de 28 de junho de 1989. Estabelece Diretrizes Gerais da

Política Urbana e dá outras providências. Brasília. Diário Oficial da União.

Brasil (1997, 19 de dezembro). Resolução CONAMA n. 237. Dispõe sobre o licenciamento ambiental: competência da

União, Estados e Municípios; listagem de atividades sujeitas ao licenciamento; Estudos Ambientais, Estudo de Impacto

Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental. Brasília: Diário Oficial da União,

Brasil (2001, 10 de junho). Lei n. 10.257, de 10 de junho de 2001. Regulamenta os arts. 182 e 183 da Constituição

Federal,estabelecem diretrizes gerais da política urbana e dá outras providências. Brasília: Diário Oficial da União,

seção 1.

Caraguatatuba (2011, 24 de novembro). Lei Complementar n. 42, de 24 de novembro de 2011. Dispõe sobre o Plano

Diretor do Município da Estância Balneária de Caraguatatuba e dá outras providências. Caraguatatuba. Portal da

Prefeitura de Caraguatatuba.

Carapicuíba (2011, 28 de abril). Lei n. 3074, de 28 de abril de 2011. Institui o Plano Diretor Participativo e Sistema de

Planejamento Integrado de Gestão Participativa no Município de Carapicuíba, nos termos dos artigos 182 e 183 da

Constituição Federal, do Capítulo III da Lei Federal n. 10.257, de 10 de julho de 2001 – Estatuto da Cidade e Lei

Orgânica de Carapicuíba. Carapibuíba: Portal da Prefeitura de Carapicuíba.

Catanduva (2006, 26 de dezembro). Lei n.0355, de 26 de dezembro de 2006. Institui o Plano Diretor Participativo, a lei

de uso e ocupação do solo e a lei de parcelamento do solo do município de Catanduva e dá outras providências.

Catanduva: Portal da Prefeitura de Catanduva.

Correia, B. C. (2012). Esclarecimentos Sobre o Projeto Novo Recife – 2012. Recife: Direitos Urbanos. Recuperado em 30 de

julho de 2020 de https://direitosurbanos.wordpress.com/2012/12/29/esclarecimentos-sobre-o-projeto-novo-recifepor-belize-camara/.

Cotia (2014). Lei Complementar n. 7908, de 2014. Dispõe sobre a revisão do Plano Diretor do Município de Cotia,

instituído pela Lei Complementar n. 72, de 02 de janeiro de 2007 e dá outras providências. Cotia: Portal da Prefeitura

de Cotia.

Cubatão (1999, 10 de setembro). Lei Complementar n. 2512, de 10 de setembro de 1999. Institui o novo Plano Diretor do

município de Cubatão, e dá outra providências. Cubatã: Portal da Prefeitura de Cubatão.

Embu das Artes (2012, 20 de abril). Lei Complementar n. 186, de 20 de abril de 2012. Consolida as disposições do Plano

Diretor do Município incorporando as revisões realizadas conforme determinação prevista no 3º artigo do 40 da Lei

257/01 e dá outras providências. Embu das Artes: Portal da Prefeitura de Embu das artes.

Ferraz de Vasconcelos (2006, 18 de outubro). Lei Complementar n. 175, de 18 de outubro de 2006. Dispõe sobre o Plano

Diretor de Ferraz de Vasconcelos. Ferraz de Vasconcelos: Portal da Prefeitura de Ferraz de Vasoncelos.

Franca (2003, 17 de janeiro). Lei Complementar n.50, de 17 de janeiro de 2003. Institui o Plano Diretor do Município de

Franca e dá outras providências. Franca: Portal da Prefeitura de Franca.

Francisco Morato (2006, 23 de novembro). Lei Complementar n.160, de 23 de novembro de 2006. Institui o Plano

Diretor Participativo do município de Franciso Morato. Francisco Morato: Portal da Prefeitura de Fransciso Morato.

Fundação Sistema Educacional de Análise de Dados – SEADE. (2020). Perfil dos municípios paulistas. São Paulo: SEADE.

Recuperado em 13 de fevereiro de 2020, de www.seade.gov.br

Franco da Rocha (2015, 03 de julho). Lei Complementar n. 244/2015. Alteração do Plano Diretor Participativo – Lei n.

/2007 e dá outras providências. Franco da Rocha: Portal da Prefeitura de Franco da Rocha.

Guaratinguetá (2006, 23 de junho). Lei Complementar n. 23/06, de 23 de junho de 2006. Institui o novo Plano Diretor do

Município de Guaratinguetá, nos termos do artigo 182 da Constituição Federal; do Capítulo III da Lei Federal n. 10.257,

de 10 de julho de 2001 – Estatuto da Cidade. Guaratinguetá. Portal da Prefeitura de Guaratinguetá.

Guarujá (2013, 17 de dezembro). Lei Complementar n. 156/2013. Institui o Plano Diretor do Município de Guarujá e dá

outras providências. Guarujá: Portal da Prefeitura de Guarujá.

Hortolândia (2008, 04 de julho). Lei n. 2.092, de 04 de julho de 2008. Dispõe sobre o Plano Diretor do Município de

Hortolândia. Hortolândia: Portal da Prefeitura de Hortolândia.

Indaiatuba (2010, 22 de outubro). Lei Complementar n. 09, de 22 de outubro de 2010. Dispõe sobre a revisão e

consolidação da Lei nº 4.067 de 24 de setembro de 2001, que dispõe sobre a instituição do Plano Diretor do Município

de Indaiatuba - PDI e dá outras providências. Indaiatuba: Portal da Prefeitura de Indaiatuba.

Itapecirica da Serra (2006, 26 de dezembro). Lei n. 1.771, de 26 de dezembro de 2006. Dispõe sobre a revisão do Plano

Diretor Estratégico do Município de Itapecirica da Serra, instituído pela Lei Municipal n. 1.238, de 29 de maio de 2001.

Itapecirica da Serra: Portal da Prefeitura de Itapecirica da Serra.

Itapetininga (2015). Lei Complementar n. 03/2015, de 2015. Dispõe sobre a revisão e a atualização do Plano Diretor do

Município de Itapetininga e dá outras providências. Itapetininga: Portal da Prefeitura de Itapetininga.

Itapevi (2008, 26 de fevereiro). Lei Complementar n. 44, de 26 de fevereiro de 2008. Institui o Plano Diretor Participativo

do Município e Itapevi. Itapevi: Portal da Prefeitura de Itapevi.

Itaquaquecetuba (2006, 01 de novembro). Lei Complementar n. 131, de 01 de novembro de 2006. Institui o Plano Diretor

Estratégico de Itaquaquecetuba. Itaquaquecetuba: Portal da Prefeitura de Itaquaquecetuba.

Itatiba (2011, 20 de janeiro). Lei n. 4.325, de 20 de janeiro de 2011. Dispõe sobre o Plano Diretor do Município de

Itatiba, que ordena o território e as políticas setoriais, e dá outras providências. Itatiba. Portal da Prefeitura de Itatiba.

Itu (2006, 10 e outubro). Lei Complementar n. 770, de 10 de outubro de 2006. Plano Diretor Participativo da Estância

Turística de Itu. Itu: Portal da Prefeitura de Itu.

Jacareí (2003). Lei Complementar n. 49/2003. Plano Diretor de ordenamento territorial do Município de Jacareí. Jacareí:

Portal da Prefeitura de Jacareí.

Jandira (2006, 31 de outubro). Lei n. 1.603, de 31 de outubro de 2006. Institui o Plano Diretor do Município de Jandira.

Jandira: Portal da Prefeitura de Jandira.

Jaú (2010, 29 de dezembro). Lei Complementar n. 389, de 29 de dezembro de 2010. Altera a Lei Complementar n. 277, de

de outubro de 2006, e dá outras providências. Jaí: Portal da Prefeitura de Jaú.

Lima, S. M. S. A., Lopes, W. G. R., & Façanha, A. C. (2019). Desafios do planejamento urbano na expansão das cidades:

entre planos e realidade. urbe. Revista Brasileira de Gestão Urbana, 11, e20180037. doi:

https://dx.doi.org/10.1590/2175-3369.011.e20180037

Leme (1994,12 de dezembro). Lei Complementar n. 134, de 12 de dezembro de 1994. Dispõe sobre a instituição do Plano

Diretor do município de Leme e dá outras providências. Leme: Portal da Prefeitura de Leme.

Lollo, J. A., Rohm, S. A. (2005). Aspectos negligenciados em estudos de impacto de vizinhança. Estudos Geográficos, 3(2),

-45. Recuperado em 20 de setembro de 2020 de

http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/estgeo/article/view/239.

Marília (2006, 09 de outubro). Lei Complementar n. 480, de 09 de outubro de 2006. Plano Diretor do Município de

Marília. Marília: Portal da Prefeitura de Marília.

Mogi Guaçu (2015, 26 de outubro). Lei Complementar n. 129, de 26 e outubro de 2015. Dispõe sobre a revisão do Plano

Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI) de Mogi Guaçu e dá outras providências. Mogi Guaçi: Portal da

Prefeitura de Mogi Guaçu.

Ourinhos (2018, 03 de julho). Lei Complementar n. 990, de 03 de julho de 2018. Dispõe sobre a Revisão Decenal do

Plano Diretor de Ourinhos e dá outras providências. Ourinhos: Portal da Prefeitura de Ourinhos.

Peres, R. B., & Cassiano, A. (2019). O Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) nas regiões Sul e Sudeste do Brasil:

avanços e desafios à gestão ambiental urbana. urbe. Revista Brasileira de Gestão Urbana, 11, 1-15. doi: 101590/2175-

011.e20180128.

Peres, R. B., & Cassiano, A. M. (2017). Inter-relações entre o Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) e o Estudo de

Impacto Ambiental (EIA): perspectivas e contribuições às políticas públicas ambientais urbanas. In Anais do XVII

Encontro Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Planejamento Urbano e Regional. (p. 1-20).

São Paulo: ANPUR.

Pindamonhangaba (2006, 10 de outubro). Lei Complementar n.3. de 10 de outubro de 2006. Institui o Plano Diretor

Participativo de Pindamonhangaba. Pindamonhangaba: Portal da Prefeitura de Pindamonhangaba.

Piracicaba (2006, 10 de outubro). Lei Complementar 186, de 26 de outubro de 2006. Aprova o Plano Diretor de

Desenvolvimento do município de Piracicaba, cria o conselho da cidade, revoga a Lei Complementar n. 46/95 e suas

alterações e dá outras providências Piracicaba: Portal da Prefeitura de Piracicaba.

Poá (2006, 05 de dezembro). Lei n. 3.201 de dezembro de 2006. Institui o Plano Diretor de Desenvolvimento integrado

da Estância Hidromineral de Poá e dá outras providências. Poá: Portal da Prefeitura de Poá.

Praia Grande (2016, 16 de dezembro). Lei Complementar n. 727, de 16 de dezembro de 2016. Aprova a revisão do Plano

Diretor da Estância Balneária de Praia Grande para o período d 2017 a 2026. Praia Grande: Portal da Prefeitura de

Praia Grande.

Presidente Prudente (2018). Lei Complementar n. 230/2018. Dispõe sobre a Lei do Plano Diretor do Município e dá

outras providências. Presidente Prudente: Portal da Prefeitura de Presidente Prudente.

Ribeirão Pires (2014, 23 de outubro). Lei n. 5907, de 23 de outubro de 20014. Efetua a revisão da Lei n. 4,791, de 14 de

setembro de 2004 - Plano Diretor do Município da Estância Turística de Ribeirão Pires, nos termos do artigo 40 da Lei

Federal nº 10.257, de 10 de julho de 2001, e dá outras providências. Ribeirão Pires: Portal da Prefeitura de Ribeirão

Pires.

Rio Claro (2017, 04 de dezembro). Lei Complementar n. 0128 de 04 de dezembro de 2017. Institui o Plano Diretor de

Desenvolvimento do Município de Rio Claro. Rio Claro: Portal da Prefeitura de Rio Claro.

Rolnik, R. (2015). Guerra dos lugares: a colonização da terra e da moradia na era das finanças. São Paulo: Boitempo.

Salto (2006). Lei n. 2.771, de 2006. Institui o Plano Diretor da Estância Turística de Salto e dá outras providências. Salto:

Portal da Prefeitura de Salto.

Santa Barbara D’Oeste (2017, 14 de dezembro). Lei Complementar n. 265, de 14 de dezembro de 2017. Institui o Plano

Diretor de Desenvolvimento do Município de Santa Barbara d’Oeste e dá outras providências. Santa Barbara d’Oeste:

Portal da Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste.

Santana de Parnaíba (2006, 17 de novembro). Lei Complementar n. 30, de 17 de novembro de 2006. Dispõe sobre o

Plano Diretor de Santana de Parnaíba, para o período 2006/2013, e dá outras providências. Santana de Parnaíba:

Portal da Prefeitura de Santana de Parnaíba.

São Caetano do Sul (2015, 09 de dezembro). Lei n. 5.374, de 09 de dezembro da 2015. Institui o Plano Diretor

Estratégico de São Caetano do Sul – 2016/2025, e dá outras providências. São Caetano do Sul: Portal da Prefeitura de

São Caetano do Sul.

São Carlos (2018, dezembro). Lei n. 18.053, de dezembro de 2018. Institui o Plano Diretor de São Carlos. São Carlos:

Portal da Prefeitura de São Carlos.

São Vicente (1999). Lei Complementar n.270/1999, de 1999. Institui o Plano Diretor Municipal de São Vicente. São

Vicente: Portal da Prefeitura de São Vicente.

Sertãozinho (2008). Lei Complementar n. 201/2008, de 2008. Cria o Plano Diretor do Município e da outras

providências. Sertãozinho: Portal da Prefeitura de Sertãozinho.

Schvarsberg, B., Martins, G. C., Kallas, L., Cavalcanti, C. B., & Teixeira, L. M. (Orgs.) (2016). Estudo de Impacto de

Vizinhança: Caderno Técnico de Regulamentação e Implementação. Secretaria Nacional de Acessibilidade e Programas

Urbanos, Programa Nacional de Capacitação das Cidades e Universidade de Brasília. Brasília: Universidade de Brasília.

Silva, P. D. D. S., & Lollo, J. A. (2013). O estudo de impacto de vizinhança como instrumento para o desenvolvimento da

qualidade de vida urbana. HOLOS Environment, 13(2), 151-162. doi.org/10.14295/holos.v13i2.6361.

Sumaré (2006, 06 de outubro). Lei n. 4250, de 06 de outubro de 2006. Dispõe sobre o Plano Diretor. Sumaré: Portal da

Prefeitura de Sumaré.

Suzano (2017, 22 de dezembro). Lei Complementar n. 312, de 22 de dezembro de 2017. Institui o Plano Diretor do

Município de Suzano, e dá outras providências. Suzano: Portal da Prefeitura de Suzano.

Taboão da Serra (2006, 26 de dezembro). Lei Complementar n. 132, de 26 de dezembro de 2006. Institui sobre o Plano

Diretor Participativo e o sistema de planejamento integrado e gestão participativa do município de Taboão da Serra,

nos termos dos artigos 182 e 183 da Constituição Federal, do Capítulo III da lei 10.257, de 10 de julho de 2001 –

Estatuto da Cidade –e da lei orgânica do município de Taboão da Serra. Taboão da Serra: Portal da Prefeitura de

Taboão da Serra.

Tatuí (2006, 16 de dezembro). Lei Municipal n. 3.885, de 18 de outubro de 2006. Institui o Plano Diretor de Tatuí. Tatuí:

Portal da Prefeitura de Tatuí.

Taubaté (2017, 12 de julho). Lei Complementar n. 412, de 12 de julho de 2017. Institui o Plano Diretor Físico do

Município de Taubaté e dá outras providências. Taubaté: Portal da Prefeitura de Taubaté.

Vainer, C., Otilia, A., Maricato, C. (2000). A Cidade do Pensamento Único: Desmanchando Consensos (1a ed., Vol. 1).

Petrópolis: Vozes.

Várzea Paulista (2006, 09 de outubro). Lei Complementar n. 167, de 09 de outubro de 2006. Institui o Plano Diretor de

Várzea Paulista e dá outras providências. Várzea Paulista: Portal da Prefeitura de Várzea Paulista.

Villaça, F. (2001). Espaço intra-urbano no Brasil (2a ed., Vol. 1). São Paulo: Studio Nobel.

Votorantim (2015, 17 de dezembro). Lei Complementar n.4, de 17 de dezembro de 2015. Dispõe sobre o Plano Diretor

de Desenvolvimento Integrado do Município de Votorantim e dá outras providências. Votorantim: Portal da Prefeitura

de Votorantim.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.