Riscos de distúrbios osteomusculares em punhos de trabalhadores de uma indústria de pescados

Bruno Maia de Guimarães, Leonardo Soares de Azevedo

Abstract


Introdução: Os distúrbios osteomusculares relacionadas ao trabalho são patologias muito frequentes no meio industrial, principalmente quando os trabalhadores se encontram expostos a fatores de risco como, por exemplo, posturas inadequadas, repetitividade, uso de força excessiva e a exposição a vibrações. Objetivo: Avaliar o risco de distúrbios osteomusculares nos punhos de trabalhadores de uma indústria de pescados da cidade de Recife (PE). Metodologia: Utilizou-se metodologia qualitativa baseada no método Strain Index (SI), o qual resulta em uma pontuação numérica que aponta a probabilidade de desenvolvimento de distúrbios osteomusculares no punho. O índice é baseado na pontuação do SI, representado pela interação multiplicativa entre as variáveis da tarefa: intensidade do esforço, duração do esforço, frequência do esforço, postura da mão e punho, ritmo de trabalho e duração diária da tarefa. Resultados: O valor encontrado foi de SI = 9 para ambos os punhos, classificando-o como uma atividade com alto risco para o desenvolvimento de distúrbios osteomusculares nos punhos dos trabalhadores. Conclusão: A indicação da presença dos riscos desses distúrbios nos punhos durante a realização da atividade de trabalho foi determinada pela pontuação do SI, sugerindo a necessidade de intervenção ergonômica.



DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-51502013000300002

Refbacks

  • There are currently no refbacks.