Qual modelo de eletrogoniômetro é mais adequado para avaliar movimentos do punho?

Fabiana Almeida Foltran, Luciana Cristina da Cunha Bueno Silva, Tatiana de Oliveira Sato, Helenice Jane Cote Gil Coury

Abstract


Introdução: O eletrogoniômetro é utilizado em contexto ocupacional para registro dos movimentos do punho. No entanto, diferentes tamanhos de sensores são utilizados, o que pode dificultar a comparação entre os resultados. Objetivo: Avaliar dois sensores de tamanho diferentes para verificar o desempenho de ambos em uma amostra com variáveis antropométricas definidas. Material e Métodos: Participaram 13 sujeitos (7 mulheres e 6 homens; idade 23±2,6 anos; massa 57±3,8 kg e altura 1,63±4,1 m). Foram utilizados dois sensores com 65 e 110 mm de comprimento (XM65 e XM110, respectivamente) e um dispositivo de aquisição de dados (Datalog, Biometrics). Medidas antropométricas dos participantes foram registradas. Cada indivíduo realizou movimentos de flexão/extensão e desvios ulnar/radial, atingindo amplitude máxima, na posição pronada do antebraço. A ordem de realização dos movimentos e colocação dos sensores foram aleatorizadas. Os dados foram analisados descritivamente e estatisticamente (análise multivariada). Foi calculada a variação entre as tentativas (variabilidade intra individual) e entre os sensores por meio do valor RMS (root mean square). Resultados: Não houve diferença significativa entre os sensores para todos os movimentos. A variabilidade intra individual máxima foi de 2,2°. Houve diferença significativa entre os gêneros para a flexão e desvio ulnar sendo que as mulheres apresentam valores maiores que os homens. A variabilidade máxima entre os sensores foi de 7,1°. Conclusão: Apesar de não identificar diferença significante entre os sensores, verificou-se que o sensor XM110 sofria abaulamento durante a extensão. Portanto, para indivíduos com altura até 1,8 m, os dados obtidos pelos diferentes sensores são comparáveis.



DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-51502011000200017

Refbacks

  • There are currently no refbacks.