AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE INSPIRATÓRIA EM CRIANÇAS COM DISTROFIA MUSCULAR PROGRESSIVA

Ingrid de Castro Bolina Faria, Ana Karina Abate, Ivana Mara de Oliveira Rezende, Ilza Maria Marques Silva, Thiago Richard Oliveira Ávila

Abstract


A Distrofia Muscular Progressiva (DMP) corresponde a um grupo de desordens degenerativas musculares, que seguem um padrão de fraqueza muscular generalizada, de curso clínico progressivo, evoluindo para complicações respiratórias. A fraqueza dos músculos respiratórios justifica a necessidade de avaliar a capacidade inspiratória (CI) nestes pacientes. OBJETIVOS: Avaliar a capacidade inspiratória em pacientes McoAmT DEMRPIA pIoSr E m MeiÉo TdaOs DtéOcnSi:c Faso rdaem B 4r ecartiha-nstçaacsk icnogm (B dSia) gen óEsstpiciroô cmoentfriorm daed Ion dcee nDtiMvoP a( Gvorulupmo eD (MEIP)). e 4 crianças normais recrutadas de uma escola de ensino primário regular (Grupo Controle). Em cada grupo foram realizadas medidas da CI com as 2 técnicas propostas, sendo feitas 3 medidas válidas para cada participante. Os voluntários foram posicionados assentados, com pés apoiados, estando com seu tronco retificado e apoiado, quadril em 90º de flexão e flexão de joelhos. Realizou-se uma análise descritiva das variáveis do estudo. Para comparação das variáveis nos 2 grupos foi aplicado o teste não paramétrico de Mann-Whitney. Para comparação inter-Grupo relacionado às técnicas foi realizado o teste de Wilcoxon, p<0,05. RESULTADOS: As crianças selecionadas tinham idade média de 10 a 11 anos e eram todas do sexo masculino. Os volumes atingidos durante a avaliação da CI pelo BS foram maiores comparados às medidas no EI, sendo estes valores significativos apenas no Grupo Controle (DMP=BS:2940,00+1644,0ml vs EI: 790,0+327,2 ml; Controle = BS:2625,0 +556,0, EI: 1200,0+91,28 p=0,029 comparado à técnica de BS). CONCLUSÃO: Houve melhor eficiência na mensuração da CI pela técnica de BS quando com o EI. Os valores obtidos por esta técnica foram significativamente maiores em relação à técnica de EI, caracterizando o BS como um método de avaliação que possibilita a avaliação do comprometimento da musculatura inspiratória nos pacientes com DMP.

Refbacks

  • There are currently no refbacks.