Entre o silêncio e a palavra: a questão da leitura de Nietzsche e do estilo em Nietzsche

Vânia Dutra de Azeredo

Resumo


O artigo propõe-se a apresentar o sentido da multiplicidade de estilos em Nietzsche a partir do elo indissolúvel entre pensamento e vida, escrita e sangue, forma e conteúdo, que terminam por aproximar o discurso filosófico do literário. Analisa a intratextualidade como condição de possibilidade para compreender o texto de Nietzsche e identificar o móvel da multiplicidade de estilos, desde um diálogo com Deleuze.

Palavras-chave


Estilo; Pensamento; Vida; Escrita

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.7213/estudosnietzsche.03.002.AO.05

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Editora Universitária Champagnat

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.